Coluna Popular

10/09/2016 12:10:25 7

Pior marketing da campanha em Cuiabá

Embora seja a única pessoa que esteja ganhando dinheiro na campanha do candidato Emanuel Pinheiro, Antero de Barros não faz jus ao volume de recursos recebidos. A Antecipar, empresa contratada pela campanha do candidato peemedebista faz um ou no máximo dois programas por semana o que torna repetitivo e enfadonho, não faz uma campanha alegre, pra cima, mas triste e pra baixo, enquanto os outros candidatos mudam quase todos os dias e esbanjam alegria.


08/09/2016 10:05:41

Lista da Odebretch

"Na próxima quinta-feira, dia 15, a Odebrecht deve fechar sua delação, considerada a maior e a mais importante de todas. Na lista, 100 políticos, incluindo um nome de Mato Grosso". A nota é do Diário de Cuiabá, e a expectativa é de que os nomes estejam entre um ex-senador e um atual. Burburinho na Assembleia Legislativa e vazamento de advogados apontam para o chefe do executivo estadual. No contra-vapor a imprensa amiga do Palácio aponta para o principal adversário do governador em 2018, o senador Wellington Fagundes; De todo modo, a seta está virada para dois dos políticos mais importantes de Mato Grosso. Um há de ser atingido.


07/09/2016 09:19:07

Cartéis da morte

Cuiabá gasta no pronto socorro R$ 2 mil para cada acidentado, a maioria motociclista. Dados compilados pelo Diário de Cuiabá mostra que acidentes de trânsito ocupam 40% dos recursos médicos. O problema pode ser dos jovens motociclistas, sempre irresponsáveis no trânsito, para quem as regras não se aplicam à eles. Mas não é apenas isso.


06/09/2016 12:17:31 3

Taques confessa que Dilma foi republicana

Palácio Paiaguás emite preocupante espera salvadora do Palácio do Planalto, agora sob nova direção: Temer (PMDB). Pedro Taques (PSDB), em surpreendente confissão, disse que a presidente deposta Dilma Roussef (PT), sempre tratou Mato Grosso de modo republicano, ou seja, nunca condicionou suas obrigações ao "toma-lá dá-cá".


06/09/2016 12:15:35 1

Cidadãos bebendo 'cocô'

Barão de Melgaço (102 km de Cuiabá), está sem prefeito. A autoridade municipal tem sido a advogada da prefeitura Ruth Aiardes (procuradora do município) quando se trata de responder sobre o fornecimento de água à população. Isso porque a Defesa Civil, Funasa e UFMT, detectaram que o povo de Barão, 7 mil malgacianos, estavam simplesmente bebendo "cocô".


06/09/2016 11:52:55

Wilson continua batendo recordes de rejeição

Nem o instituto de pesquisas Gazeta Dados, que pertence a empresário ligado ao PSDB, salvou o candidato tucano Wilson Santos do índice de rejeição estratosférico. Na pesquisa divulgada nesta terça-feira, Wilson aparece com esmagadores 40% de rejeição.


06/09/2016 08:43:10

Calote no Banco

Paulo Prado, chefe do Ministério Público de MT, resolveu ajudar na gestão do Poder Executivo, do ex-colega Pedro Taques (PSDB). Ou se ofereceu, ou foi procurado. O fato é que o MP/MT tem absorvido muito das atividades do Palácio Paiaguas. O MP ao invés de fiscalizar também quer participar da gestão de MT.


06/09/2016 07:34:02 1

Pedro Sonso

Difícil acreditar que o Procurador Geral da República, com tantas ocupações, tenha acordado um dia e lido nos jornais que existe uma Lei do RGA que beneficia 100 mil servidores em Mato Grosso e, do nada, decidiu entrar no Supremo para derrubá-la.


05/09/2016 09:56:08 1

Taques se junta com Fabris

Gilmar Fabris (PSD) volta aos holofotes como membro da Mesa Diretoria (2017/2019). Fabris é o vice-presidente de Eduardo Botelho (PSB), o candidato preferido do governador Pedro Taques (PSDB), que em nome da separação entre os Poderes, teoricamente não interferiu em nada. Mas não é bem assim. O chefe do Executivo sempre interfere.

Com 54% de rejeição, Wilson se torna o candidato mais sem credibilidade da história

05/09/2016 09:42:22 3

Com 54% de rejeição, Wilson se torna o candidato mais sem credibilidade da história

Chamou atenção na última pesquisa do Ibope o índice de rejeição do candidato de Pedro Taques para a prefeitura de Cuiabá. Wilson Santos, que tinha 35% antes da campanha começar, depois que começou e o governador entrou de corpo e alma em sua campanha, inclusive gravando vídeos pedindo votos e colocando seu secretariado para também pedir, Wilson despencou de forma vertiginosa, e atingiu retumbantes 54% de rejeição. Esse é o maior índice de falta de credibilidade já conhecido na história política de Mato Grosso.


05/09/2016 08:40:05

Esquema no Detran: FDL

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso invalidou o contrato da empresa FDL junto ao Detran. Mantido pelo ex-presidente, o delegado Roger Jarbas, o contrato resultou em uma das operações policiais que teve como protagonista Teodoro Lopes Doia, que na investigação se prontificou a fazer delação premiada sobre o caso.