EM DEFESA DA SOCIEDADE

TCE abril

BOTELHO ANULA MALDADE DE TAQUES E REVELA GOVERNO DESUMANO

O governador em exercício Eduardo Botelho (PSB) anulou decreto de demissão do médico João Bosco de Oliveira, e mostrou a bagunça que é a gestão Pedro Taques (PSDB).

Coluna Popular

Redação 1425 acessos 2



O médico foi demitido no final de 2016, apesar de juntar documentos no processo, e declarar inocência. Mas não teve perdão, e após 15 anos no hospital de Cáceres, acabou demitido. O médico acabou morrendo seis meses depois.

Segundo o governo de Pedro Taques, o médico não poderia trabalhar pelas manhãs em Cuiabá, na perícia do INSS, e nos finais de semana, como anestesista no hospital em Cáceres. Mas conforme análise do caso no Tribunal de Justiça (TJ) pode sim, e Eduardo Botelho revendo o processo concordou com o TJ. Ou seja, Pedro Taques poderia ter evitado toda a agonia do médico, e da sua família, se em seu governo houvesse gestão pública, e algo que também está em falta, um pouco de humanidade do governador.

O que dizem sobre isso?

  1. não desejo mais outra coisa, senão a desgraça desse ladrão, imoral, que prometeu e não cumpriu, apenas bagunçou a vida dos mato-grossenses, é o Taques com esse caolho do Botelho, seus dias estão contados.....

  2. E um filho da puta, esse governo

Comente, sua opinião é Importante!

Pontuando rodapé