EM DEFESA DA SOCIEDADE

IPTU Prefeitura Cuiabá

MOTIVOS PARA GOVERNISTAS FICAREM ATENTOS

A sorte do governador Pedro Taques, que foi a marca do início do início da sua carreira política, parece estar voltada, agora, para solapar sua trajetória. Tudo vem dado errado, senão vejamos?

Coluna Popular

Redação 648 acessos 3



- Seu principal rival, Wellington Fagundes, não assumiu o ministério dos transportes e vem com sangue nos olhos para a disputa. Sinal de que não vai ser qualquer dossiê ou denúncia de MP que vai tirá-lo da jogada. Ao que tudo indica, WF disputa essas eleições mesmo se estiver com todo judiciário e MP contra ele, o que não é o caso, já que seus tentáculos políticos vão além do que possa imaginar Pedro Taques;

- Mauro Mendes tem buscado se viabilizar, o que é uma péssima notícia para Taques, já que o empresário carreia índices de aceitação supreiores ao próprio governador, e no mínimo leva a eleição para o segundo turno.

- A GCOM está paralisada. Devido o esquema descoberto, a Secretaria de Comunicação está impedida de continuar veiculando peças prublicitárias e afins. Para um governo construído unica e exclusivamente com verniz midiático, pode ser difícil manter um bom conceito diante das tantas críticas que tem surgido;

- Perdeu o Vice e está nas mãos da Assembleia. O próprio vice-governaddor de Podro, o agricultor Carlos Fávaro, abandonou o barco e agora sinaliza em construir uma chapa alternativa para enfrentar Taques, sendo candidato ao senado;

- A Assembleia está com raiva do Pedro,  Depois de emendas impositivas não cumpridas, e ter que dividir o ônus das birras do governador junto ao funcionalismo, tendo que votar todas as matérias contra os servidores, os mesmo estão com muita sede de vingança, e não perdoará os mesmo durante as eleições. 

- O PSDB está vendo os problemas que Taques tem o partido está querendo isolá-lo. Está visível a dificuldade que se tem em construir uma unidade em torno do governador, sendo que a agremiação tem desde 2015 a prioridade de eleger Nilson Leitão na majoritária (Senado). Taques está querendo rifar as duas vagas de senado e de vice para seus amigos dentro de uma composição com os partidos que permaneceram na base. Já leitão tem uma ampla gama de partidos e forças que extrapolam o PSDB que o apóiam. Em resumo, Leitão aglutina muito mais.

 

O que dizem sobre isso?

  1. Muvuca! Peça para adicionar corretor ortográfico na hora da publicação. Alguns erros ortográficos ficam terríveis de se ler. Mantenhamos o profissionalismo do papel impresso!

  2. Exelente matéria! Ai, ai, ai, ai... Ta chegando a jora!

  3. Alguém ajude o muvuca... ele sofre de QUEROFOBIA! Ajudem!

Comente, sua opinião é Importante!

Pontuando rodapé