EM DEFESA DA SOCIEDADE

AB3 Imobiliaria

Doação de sangue mobiliza torcedores de quatro times

Os clubes do Mixto e Cuiabá Arsenal se reuniram com as associações de torcedores do Corinthians e Flamengo para ação social

Esportes

Junior Martins 108 acessos

Doação de sangue mobiliza torcedores de quatro times

Uma campanha solidária de doação de sangue uniu times e torcidas com o objetivo de alavancar o maior número de voluntários para abastecer o banco de sangue público, o Hemocentro de Cuiabá, que é responsável por fornecer sangue para toda a rede de hospitais. A Associação Atlética Cuiabá Arsenal (AACA), Associação de Corinthianos de Tchapa e Cruz (ACTC), Flanáticos MT e Mixto Esporte Clube almejam a meta de 1400 novos doadores em janeiro e fevereiro.

“Qualquer pessoa pode vir a precisar de uma transfusão de sangue. Ninguém está livre de sofrer um acidente, de ter de passar por uma cirurgia ou de passar por algum procedimento médico em que a transfusão seja necessária. Doar sangue é uma maneira fácil de salvar uma vida e de deixar uma família feliz. Não é preciso ter motivo especial para fazer isso. Doe e sinta-se bem consigo”, comentou o presidente do Cuiabá Arsenal, Paulo Cesar Machado.

Para doar sangue é preciso cumprir com alguns pré-requisitos, como portar documento oficial e original de identidade com foto e dentro do prazo de validade (RG, Carteira Profissional ou Carteira de Habilitação), ter entre 16 e 69 anos de idade, pesar acima de 50 quilos, ter boas condições de saúde e não ter ingerido refeições pesadas (gordurosas) nas três horas que antecedem a doação. Os menores de idade podem doar acompanhados dos pais.

“Os corinthianos de tchapa e cruz são aproximadamente 5 mil torcedores. A campanha de doação pretende atingir cerca de 10% deles, o que já daria 500 novos doadores. E para isso temos feito ações com brindes, descontos em lojas, camisetas e sorteios de DVDs. Se atingirmos os nossos membros e os outros parceiros atingirem os torcedores deles, então conseguiremos alcançar a meta de 1400 novos doadores”, diz o diretor da ACTC, Victor Hugo Bernardes.

Logo após a doação, o sangue passa por um processo de centrifugação. Nele se faz a separação dos hemocomponentes utilizados em transfusões, conforme a necessidade dos pacientes. São eles: concentrado de hemácias, de plaquetas, plasma fresco congelado e crioprecipitado. São rotulados de forma a permitir rastreabilidade, são realizados exames para tipificação do sangue e identificação de doenças e, após liberação, distribuídos para a rede de hospitais e clínicas.

“O Flanáticos é formado por cerca de 150 torcedores do Flamengo. Sabemos que nesta época do ano os estoques do banco de sangue costumam estar em baixa e isso torna a doação ainda mais necessária. Esperamos que a campanha de incentivo a doação de sangue consiga alavancar doações de 100% dos membros do nosso grupo. Torcemos pela participação de todos eles e que ainda convidem os amigos”, disse o diretor geral da Flanáticos MT, Antônio Felipe da Rosa.

O Hemocentro de Cuiabá fica localizado na Rua 13 de Junho, nº 1055, no bairro Centro Sul, em Cuiabá (ao lado da Igreja Internacional da Graça). O horário de atendimento é de segunda a quinta-feira, das 07 às 17h30. Em cada coleta é retirado o volume aproximado de até 450 ml de sangue. E, portanto, recomenda-se, nas primeiras horas pós-doação, descanso, evitar atividade física e ingestão de bebida alcoólica.

“Muitos deixam de doar nesta época por conta do recesso de fim de ano e férias. O número de doadores reduz num momento em que há aumento de acidentes. A captação de sangue diminui logo quando mais se precisa. Por isso o estoque fica em estado crítico. Com poucas bolsas de sangue. E ainda temos pela frente o período de carnaval. Em virtude disso, convocamos as torcidas para doar sangue. Vamos salvar vidas”, diz o presidente do Mixto, Walter Fernandes.

Texto e foto: Junior Martins

Assessoria AACA – www.clippingcom.com

Comente, sua opinião é Importante!

Uninter - Banner JPG