EM DEFESA DA SOCIEDADE

AL ago mais 2 com link

Competidor de Primavera do Leste vence rodeio na 53ª Expoagro 

Rodrigues levou a fivela de campeão, R$30 mil e um carro zero km

Geral

Redação 225 acessos

Competidor de Primavera do Leste vence rodeio na 53ª Expoagro 

Os competidores mais valentes do país passaram pela arena lotada da 53ª Exposição Agropecuária (Expoagro) de Cuiabá, no Parque Senador Jonas Pinheiro, entre os dias 12 e 15 de julho. Encarar oitos segundos obrigatórios sobre um touro enfurecido após a abertura da porteira foi a missão alcançada com sucesso por Leandro Borges Rodrigues, de Primavera do Leste (MT), que somou 345 pontos na etapa mato-grossense da Top Team Cup e desbancou dez concorrentes ao título na final. 

No sábado (15), Rodrigues levou a fivela de campeão, R$30 mil e um carro zero km ao montar o touro OK, da Cia. Pai Herói, com pontuação de 90,50 na noite. Em segundo lugar, ficou o também primaverense Valdeci Pereira da Conceição, que marcou 88,25 pontos no touro Estranho, da Cia. Pit Bull, somando 337,75 pontos. 

Enquanto que, em terceiro lugar, foi a vez do paulista Keny Roger de Oliveira, de Pereira Barreto (SP), tirar a nota 86 no touro Império, da Cia. GV Rodeio, totalizando 294 pontos. A quarta e a quinta posição ficou, respectivamente, para Márcio Aparecido Lima Souza, de Três Lagoas (SP), com 255,75 pontos, e para Nilton Batista de Souza, de Guzolândia (SP), com 252,75 pontos. 

Também protagonistas da competição, os animais foram selecionados “a dedo” para promover disputas acirradas na arena. Na Expoagro, o título de “Melhor Boiada” foi para a Cia. Pai Herói, de Tangará da Serra (MT), que conquistou a média de 42,882 pontos. Ao levar 19 touros para a festa, a companhia – de propriedade de Pedro Ferreira de Lima – também levou a fivela de “Melhor Animal do Evento” com o touro Show Time, que atingiu a média de 45,000 pontos. 

REGRAS – A montaria em touros é uma das modalidades mais populares dos rodeios. Nela, são avaliados os desempenhos do touro e do competidor, sendo que cada um é responsável por 50% da nota – numa pontuação que vai de zero a 100 pontos. Com os touros, observam-se cinco quesitos: intensidade, pulo, giro, coice e grau de dificuldade. No caso do competidor, leva-se em consideração o domínio sobre os quesitos citados, o posicionamento do atleta e o estilo. 

RODEIO FEMININO – No ano em que completa sua 53ª edição, a Expoagro levou para a arena do parque o rodeio feminino, exclusivamente brasileiro, disputado na modalidade Bareback com montaria em cavalos pelas renomadas atletas mato-grossenses da Horse Jumping Team – considerada a única equipe de rodeio profissional feminino do mundo. A campeã da modalidade foi a cowgirl sinopense Edna Antonowiski, que disputou por Alta Floresta (MT). 

PROVAS CRONOMETRADAS – Há mais de 20 anos provas equestres cronometradas não eram realizadas junto com o rodeio na Expoagro. A volta das modalidades ‘Três Tambores” e “Team Roping” foi motivo de comemoração – já que o número de competidores em Cuiabá e região é expressivo. As provas contaram com a organização de Carlos Eduardo Correa Povas, proprietário do Haras Twin Brothers. 

Na modalidade “Três Tambores”, o primeiro lugar ficou para Gabriela Pacheco, com 41,780 pontos; seguida por Amanda Fernandes, com 42,958 pontos; e por Francislaine Gonçalves, com 43,793 pontos. Enquanto que, na “Team Roping”, o “laço em dupla”, foi a vez de Caio Nakano e Fernando Pereira alcançarem a primeira colocação, com 5,74 segundos; seguidos por Caio Nakano e Fabinho Defanti, com 6,71 segundos; e por Alex Cuiabano e Marcos Povoas, com 12,23 segundos.

Comente, sua opinião é Importante!

Uninter - Banner JPG