EM DEFESA DA SOCIEDADE

Bom de bola prefeitura cuiaba novembto

Escolas plenas paralisam atividades nesta quarta-feira (16) em Cuiabá e VG

Há denuncia de que o governo do Estado recebeu a bolsa dos professores e embolsou, para gastar com outras coisas.

Geral

Redação 546 acessos

Escolas plenas paralisam atividades nesta quarta-feira (16) em Cuiabá e VG

Trabalhadoras e trabalhadores da Educação que atuam nas sete escolas estaduais de período integral em Cuiabá e Várzea Grande realizam nesta quarta-feira (16) um dia de paralisação com ato na Secretaria de Estado de Educação, às 15 horas. O projeto “Escola Plena” funciona há cinco meses, porém, só foi aumentada a carga horária das aulas, sem que as unidades recebessem melhorias na infraestrutura.

Segundo a subsede do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT) essas escolas possuem muitas necessidades que não foram sanadas pelo governo, como falta de refeitórios, bibliotecas, quadras esportivas e até mesmo banheiros para atender alunas e alunos em tempo integral. 

Outra questão apontada pelo Sindicato é que o número de profissionais é insuficiente para atender ás demandas formativas e a bolsa para complementar o salário dos professores (que trabalham 40 horas semanais) não foi disponibilizada. 

Participam da paralisação as escolas estaduais na Capital: Rafael Rueda (Pedra 90), José de Mesquita (Porto), Cleinia Rosalina (Planalto), Padre João Panarotto (CPA 4), Antônio Epaminondas (Baú) e Nilo Póvoas (Bandeirantes) e em Várzea Grande a Honório Rodrigues de Amorim (Cohab D. Orlando Chaves).

Comente, sua opinião é Importante!

Uninter - Banner JPG