EM DEFESA DA SOCIEDADE

TCE abril

Funcionários da Santa Casa estão sem salários de novembro e dezembro por falta de repasse do governo

A paralisação vai ocorrer por não conseguir receber e manter a estrutura necessária

Geral

Redação 791 acessos

Funcionários da Santa Casa estão sem salários de novembro e dezembro por falta de repasse do governo

Com a falta de repasse do governo do Estado, a Santa Casa de Cuiabá não conseguiu pagar a folha salarial dos servidores referente aos meses de novembro e dezembro. Após promessa de que iria arcar com os repasses regularmente sem morisidade, o Estado teria depositado apenas R$ 600 mil de ajuda e 545 mil para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), valor este insiginificante perto do acordado em agosto, quando prometeu que iria repassar R$ 2,5 milhões por mês, durante três meses, para ajudar no custeio de cinco hospitais filantrópicos de Mato Grosso.

Sendo assim, além da greve anunciada pelos servidores que deve iniciar na próxima segunda-feira (15), a unidade não tem como arcar com as despesas deinternação. A informação é de que falta tudo, e profissional para auxiliar ou dar atendimento. 

O presidente do Sindicato dos Profissionais de Enfermagem de Mato Grosso (Sinpen) Dejamir Souza Soares, explicou que a paralisação vai ocorrer por não conseguirem receber e manter a estrutura necessária para que seja feito os atendimentos. "Por isso, vamos paralisar mantendo apenas 30% do efetivo trabalhando nas enfermarias e 50% na urgência e emergência que seriam nas UTIs e centro cirúrgico”, explicou.

A unidade conta com  600 trabalhadores entre técnicos, enfermeiros, profissionais do administrativo e médicos.

O Estado não se manifestou quanto os repasses. Além disso, durante um acordo no segundo semestre de 2017, o governador Pedro Taques anunciou que iria destinar parte dos valores da emenda federal para as unidades filantrópicas. 

Comente, sua opinião é Importante!

Uninter - Banner JPG