EM DEFESA DA SOCIEDADE

ALMT - Entrega Ambulancia

Governo do estado quer aumentar alíquota de servidores de 11% para 14%

Reforma da previdência estadual prevê fim do RGA e aumento de contribuição

Governo

Redação 3959 acessos 15

Governo do estado quer aumentar alíquota de servidores de 11% para 14%

O secretário de Fazenda (Sefaz), Gustavo Pinto Coelho de Oliveira, revelou que o Executivo mato-grossense, a exemplo do Governo Federal, enviará um projeto de reforma previdenciária para a Assembleia Legislativa (AL) no ano que vem. Entre os pontos que serão abordados está a formação de uma carta de créditos imobiliários, dividas ativas pendentes e o aumento da alíquota de contribuição previdenciária para 14%.

As informações foram dadas na última sexta-feira (8), na sede da Sefaz. Segundo o novo secretário de fazenda a questão da previdência é urgente e precisa ser repensada. ‘Qual que é o problema da previdência pública hoje? Todos recolhem suas alíquotas de 11%, desconta-dos dos seus proventos, mas ainda sobra um conta do Tesouro Estadual que precisa pagar. Hoje são R$ 700 milhões por ano e isso para zerar o caixa da própria previdência. Então tudo o que entra para nós pagarmos os inativos, todos os pensionistas nós precisamos completar com esse montante por ano’ explicou o secretário.

Gustavo revelou que o Estado pretende muito em breve adotar medidas para conter o rombo previdenciário. ‘Uma das propostas do governo é elevar essa tarifa de 11% para 14%. Isso ajuda a reduzir esse déficit de R$ 700 milhões, mas não resolve o problema da previdência a longo prazo. Ela continua dependendo de recursos do Tesouro. Então, não agora nesse ajuste - talvez possamos aumentar a tarifa de contribuição agora - mas vejo como fundamental para o país que se resolva o problema da previdência tanto na esfera Federal, quanto na Estadual e nos municípios’, propos.

Ainda conforme Gustavo o Executivo está analisando a proposta e reforma previdenciária para Mato Grosso. ‘Como funciona isso? O Governo está estudando para o ano que vem, vamos discutir isso com calma com a Assembleia Legislativa, a possibilidade de nós criarmos um fundo de ativos, para suportar. Isso pode ser feito com transferências de crédito - o que tem de dívida ativa que tem que cobrar aqui na Sefaz. Alguns imóveis que podem ser transferidos - que tem muito pouco valor para o Estado, pois não tem utilidade pro setor público. Porém tem grande valor de mercado. Nós transferimos isso para gerar renda - para essa massa de inativos e constituir mais ou menos como o Previ do Banco do Brasil’, pontuou.

Com essa medidas aplicadas em Mato Grosso, Gustavo prevê que o déficit previdenciário possa ser controlado e o Estado consiga honrar com seus compromissos. ‘Ter uma carteira e criar uma regra rígida para todo ano fechar esse calculo atuarial e você saber ano a ano, como estará a projeção dessa previdência daqui a vinte anos. O Estado ganha um tempo para cobrir esse rombo, que não faz igual agora”.

O que dizem sobre isso?

  1. Leonardo Oliveira em memoria do seu pai, sai de perto de governador vc vai se queimar igual Wilson Santos!!!

  2. Vou citar uma analogia bem simples para o cidadão comum entender. O que acontece nesse governo é fato simples, imaginem vocês tentando economizar água , na sua casa todos colaboram, pai, mãe , irmãos , porém há um vazamento no encanamento e de quê adianta economizar e deixar a água escoar pelo vazamento? É assim querem economizar mas nas coisas inuteis , copos , luz ... Mas a corrupção e desvios estão acontecendo ai e todo mundo vê e não faz nada...

  3. Defendem aumento previdenciário, limite de gastos, mas rejeitam o pacote anticorrupção. Eu sei o que eles querem...

  4. Esse aumento da alíquota e o fim do RGA é pra continuarem desviando mais dinheiro para o bolso dos políticos.

  5. Os políticos, de um modo geral são incompetentes no gerenciamento dos recursos que saem das costas dos trabalhadores mais mais humildes. Gerenciam pessimamente e colocam a culpa em nós. É preciso lembrar que de nada adianta ficar aqui na net expondo nossos pensamentos. Enquanto fizermos isso, os políticos não nos darão ouvido. É preciso ir pra rua e mostrar toda a nossa insatisfação.

  6. Pra acabar... a incompetência da má gestão de novo nas costas dos mais fracos. Quero ver as empresas de mato grosso, principalmente Cuiabá, resistirem depois disso. Ninguem vai comprar mais nada, e ai vão sentir a falta dos servidores. Pra evitar, se esse governo tiver mesmo a pachorra de fazer isso, só união igual no Rio de janeiro, afinal tudo que sai da boca desse governo é citando o Rio, então como os servidores de lá, os daqui tem que se unir e ir pra AL nesse dia, Greve geral!

  7. Não acredito em tamanha incompetência deste governo Taques... só sabe jogar a conta da péssima administração nos servidores públicos. Até parece que somos nós os embolsadores de propina. Espero que os servidores não aguentem calados isto, porque é o fim. Ainda fala em reeleição, faz me rir, este anão e sua equipe incompetente não se elege mais pra nada.

  8. Pqp sempre a mesma receita. Fazer os trabalhadores pagarem a conta!!! Que tal administrar com responsabilidade, cortar gastos, cortar regalias e acabar com a corrupção? ? Acho que já bastaria!!!

  9. " ALÁ " VAI FAZER MATO GROSSO ENTRAR PARA HISTÓRIA ! AVANTE IRMÃO MUCULMANOS DE MATO GROSSO E SIMPATIZANTES ! "الله" سنفعل ماتو غروسو لجعل التاريخ! فصاعدا الاخوة وأنصار المسلمين! دعونا تصويب الغابة الكثيفة!

  10. SÓ UMA REVOLUÇÃO PRA ACABAR COM ESSES CANALHAS, É MUITA SACANAGEM O TRABALHADOR.

  11. Isso ai servidor! Pra classe trabalhadora ainda cabe mais essa pagar a conta que os bandidos fizeram... Na~respeitam constituição, não respeitam a moralidade, estão quebrando a soberania nacional deixando que outros imprimam nossa moeda. Olha o Brasil não precisa dos políticos vamos correr com eles dessa nação!!!!

  12. Mas de forma mais junta deveria ser esta reforma. Menor salário pagaria menos. Alto escalão do governo e funções onde o salário é acima de 8.000,00 pagaria 14%. Nisso caberia escalonamento. Ganhar mais pagaria mais. Mas vejo que é uma utopia.

  13. Ao invés de massacrar mais ainda a classe trabalhadora... Porque não acaba com essa vergonha de verba indenizatoria... E verba de gabinetes... Isso sim é uma vergonha... Uma verdadeira falta de respeito com toda a população.... E essa série de benefícios que tanto os políticos como judiciário também recebem...e por isso creio eu.. Que faz vista grossa.... Isso sim que está acabando com o Brasil... E a classe trabalhadora... Pagando pra toda essa verdadeira.... Palhaça da que está acontecendo....

  14. Estes abutres só querem saquear o servidor não querem corrigir a inflação através do RGA e ainda querem aumentar o desconto de 11 para 14%, olha os trabalhadores brasileiros vão ter que ir para as ruas e exigir a saída destes políticos que saquearam o Brasil e agora querem culpar os trabalhadores.. Porque estes políticos que querem congelar os salários não criam uma lei proibindo qualquer tipo de reajuste nos planos de saúde, água, luz, telefone, comida ou seja nada pode aumentar por dois anos ai seria justo, e, porque não fazem isto é exatamente para massacrar os trabalhadores brasileiros parece que querem voltar a escravidão no Brasil.. Estes ladrões que pegam dinheiro de caixa dois tem é que serem presos em prisão perpetua.. Cade que eles criam leis que condene a morte quem rouba dinheiro publico isto é necessário porque podem fazer a reforma que for o Brasil vai continuar sangrando porque a maioria dos políticos estão ai na Lava jato... Ou seja pedir honestidade para ladrão.

Comente, sua opinião é Importante!

Uninter - Banner JPG