EM DEFESA DA SOCIEDADE

TCE abril

Desembargadores batem boca e quase saem as vias de fato em sessão plenária do TJMT

Desentendimento teria ocorrido durante julgamento do envolvidos na operação Bereré

Judiciario

Redação 1125 acessos

Desembargadores batem boca e quase saem as vias de fato em sessão plenária do TJMT
Marcio Camilo

Os desembargadores do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJ-MT) Orlando Perri e Alberto Ferreira tiveram um sério desentendimento durante sessão do pleno nesta sexta-feira (13). O fato é confirmado pela assessoria de imprensa do TJ-MT.

De acordo com informações do site Gazeta Digital os desembargadores bateram boca e quase chegaram as vias de fato.

Tudo teria começado por causa de um processo relativo a operação Bereré que investiga desvios de recursos públicos no Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT).

Perri teria votado pelo desbloqueio de bens no valor de R$ 27 milhões dos envolvidos na operação do Ministério Público. Isso, conforme informações da Gazeta, irritou Ferreira que começou a ironizar o voto de Perri.

Incomodado com a ironia Perri teria alterado a voz dizendo a Ferreira que cada um vota do jeito que quiser, e que seu voto era respaldado em questões técnicas. Ferreira rebateu pedindo respeito para que Perri não alterasse a voz: “não sou seu filho”, teria dito o desembargador.

Ainda de acordo com a Gazeta, Ferreira quis “partir pra cima” do colega  e teve que ser segurado enquanto Perri saía pelo outro lado do pleno.

Comente, sua opinião é Importante!

Uninter - Banner JPG