EM DEFESA DA SOCIEDADE

Conciliação prefeitura

Deputado acusado de desviar milhões será presidente da CPI do Fundeb/Fethab

Mauro Savi foi designado para comandar os trabalhos da comissão que investigará indícios de desvios de dinheiro da Educação

Parlamento

Redação 3403 acessos 6

Deputado acusado de desviar milhões será presidente da CPI do Fundeb/Fethab
Marcio Camilo

O deputado estadual Mauro Savi (PSD) – acusado de desviar R$ 104 milhões dos cofres públicos – foi designado para ser presidente da CPI dos Fundos, que investigará um possível desvio de recursos do Fundeb e Fethab. O governo teria usado os valores – na casa do milhões – para pagar outras dívidas do Estado.

A nomeação foi feita pelo presidente da Assembleia Legislativa (AL-MT), Eduardo Botelho (PSB), sendo publicada na noite desta sexta-feira (26), no Diário Oficial Eletrônico da Casa de Leis.

Antes da publicação oficial, tudo indicava que Botelho nomearia a deputada Janaina Riva (MDB). Na semana passada, o parlamentar reclamou da demorada dos partidos da oposição em indicar um nome à presidência da CPI.   

“O Regimento Interno prevê que se o líder não faz, cabe ao presidente fazer. Então fiz isso de ofício”, ponderou o presidente da AL-MT.

Mas na prática Botelho acabou nomeando Savi – deputado da situação – como presidente da comissão que investigará um possível desvio financeiro do governo nas áreas de Educação (Fundeb) e Infraestrutura (Fethab).

Na publicação do Diário Eletrônico, além de Savi como presidente, foram nomeados como titulares da CPI os deputados: doutor Leonardo de Albuquerque (PSD), professor Adriano Silva (PSB), Ondanir Bortolini, o Nininho (PSD) e Alan Kardec (PT).  

Já para a suplência foram designados Guilherme Maluf (PSDB), Romoaldo Junior (MDB), Dilmar Dal Bosco (DEM), Wagner Ramos (PSD) e Janaina Riva (MDB).

Incoerência

Botelho escolheu como presidente da CPI um deputado que recentemente se tornou réu na justiça; Savi é suspeito de liderar um esquema de fraudes de créditos florestais na Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT).

De acordo com as investigações do Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público (MPE-MT), o deputado e o ex-deputado José Riva desviaram R$ 104 milhões da Sema com a ajuda de servidores públicos lidados à pasta.

Agora, o deputado acusado de lesar os cofres públicos vai ser presidente de uma comissão parlamentar que investigará um suposto desvio de recursos do governo Taques.

CPI das ‘Pedalas Fiscais’

No meio político, a CPI do Fundeb/Fethab já está sendo chamada de CPI das “Pedaladas Fiscais”. O requerimento de investigação foi assinado na sessão extraordinária do último dia 16. O Fundeb é o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação. Já o Fethab é o fundo o Fundo Estadual de Transporte e Habitação.

A CPI surgiu depois que um relatório do Ministério Público de Contas de Mato Grosso apontou desviou de finalidade dos fundos do Fundeb e Fethab para pagar dívidas de outras áreas do governo.

O resultado é que a Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM) já se manifestou formalmente sobre o caso, reivindicando que o governo faça devidamente o repasse do Fundeb às prefeituras, que são as responsáveis pela manutenção da educação básica nos municípios.

O governador Pedro Taques nega que houve desvios de recursos. Na imprensa, ele já declarou que é a favor das investigações, que está de consciência tranquila, “pois quem não deve não teme”.

O que dizem sobre isso?

  1. Isso é uma grande vergonha para todos os anjos que protegem esse governo canalha do Pedro Taques

  2. É muito triste a realidade em nosso país. Não sei mais o que pensar são coisas absurdas acontecendo a nossos olhos e pouco podemos fazer... as eleições estao ai ... o que fazer? Em quem acreditar, o que realmente devemos fazer para fazer a diferença alguém sabe me dizer??????? Um absurdo muito triste.... eu confesso um desânimo total...

  3. Brincadeira e Vergonhoso o povo ver isso é só o povo invadir a assembleia e acompanhar a votação e quebrar o paesse nanico de circo não vai conseguir nada o povo está de olho e nos deputados também

  4. Governista e ladronista, esse roubou com riva e agora tá roubando com taques. Como diz o outro, tá no DNA.

  5. Não sei se dou risada; se choro; se me interno em um hospício, pois acho que estou pirado, maluco, doidão! Será que isto está acontecendo mesmo? Isso é uma Assembléia legislativa, com deputados eleitos para representar e fazer algo pela sociedade? OU É UM CIRCO PARA SE FAZER ESSE TIPO DE PALHAÇADAS? GEEEEEENTE!....ISSO É REALIDADE OU ESTOU SONHANDO? É QUASE IMPOSSÍVEL ACREDITAR QUE ESTES "DIGNOS DEPUTADOS" ("É BRINCADEIRA: DE DIGNOS NÃO TEM NADA!") ESTÃO A FAZER ISSO NA CARA DURA PERANTE O POVO QUE OS ELEGEU! E ESTES PODERES PODRES QUE COMPÕEM A ESTRUTURA JUDICIAL, NADA A FAZER? A DIZER? OU IRÃO FICAR IGUAL A ESSE RELES GOVERNADOR, CHORANDO ÀS MÁGOAS, PELOS CANTOS, SÓ QUERENDO DINHEIRO? MAS E O POVO? O QUE ESTES SENHORES TEM A DIZER À SOCIEDADE? SOCIEDADE DE BEM, HONESTA E DIREITA, NÃO ÀQUELA SOCIEDADE "PARALELA"! SINCERAMENTE, SE TIVESSE UM JEITO, PARARIA O PLANETA E PULAVA FORA! É SIMPLESMENTE VERGONHOSO O QUE ESSA RELES JUSTIÇA DE MATO GROSSO FAZ! OU DEIXA DE FAZER?

  6. Colocaram a raposa para cuidar do galinheiro. Incrível! Aviso aos nobres deputados: "eleições se aproximam, vocês serão julgados pelo povo."

Comente, sua opinião é Importante!

Pontuando rodapé