EM DEFESA DA SOCIEDADE

TCE abril

Governo não faz repasse há um ano e dívida com filantrópicos chega a mais de R$ 40 milhões

O montante acumulou devido a falta de repasses desde 2016 até setembro deste ano

Saúde

Redação 2113 acessos 4

Governo não faz repasse há um ano e dívida com filantrópicos chega a mais de R$ 40 milhões
Claryssa Arruda

Com hospitais filantrópicos e regionais fechando as portas para atendimento, o governo do estado chega com dívida à saúde em mais de R$ 40 milhões em Mato Grosso. O montante acumulou devido a falta de repasses desde 2016 até setembro deste ano, segundo a própria Secretaria Estadual de Saúde (SES) informou.

A secretária de Saúde de Cuiabá, Elizeth Araújo, informou em entrevista, que o governo devia o montante de R$ 50 milhões a saúde, até a última sexta-feira (10), onde o mesmo repassou apenas R$ 7,8 milhões para o Fundo Municipal de Cuiabá. Com isso, a dívida fica R$ 43,7 milhões.

"Do repasse feito pelo governo, R$ 2 milhões foram destinados ao Pronto Socorro de Cuiabá, R$ 1 milhão foi para a UTI [Unidade de Terapia Intensiva] do Pronto Socorro, quase R$ 6 milhões são dos [hospitais] filantrópicos e o restante, de assistência farmacêutica e outros", disse a secretária.

Segundo a secretária, a dívida quitou apenas serviços prestados entre os meses de junho e outubro deste ano de setores ambulatoriais e hospitalares de alta complexidade. Ela informou que se reuniu com o governo do estado na semana passada e detalhou todos os problemas da saúde.

"O estado criou um cronograma de pagamento e prometeu fazer o repasse, no ano que vem, para a compra de equipamentos para o novo Pronto Socorro", afirmou.

Na última segunda-feira (13) uma enfermeira chorou ao fechar as portas da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica por falta de recurso para manter a ala. 

O que dizem sobre isso?

  1. Governador da destruição esse homem e ainda tem quem defende esse governo. Nem Sinval Barbosa fez isso contra o povo matogrossense

  2. ESTÁ BEM CLARO QUE SAÚDE NÃO É PRIORIDADE PRO GOVERNADOR. POIS A NOSSA PRIORIDADE NAS URNAS É TIRAR PEDRO TAQUES!

  3. O caso da enfermeira que chorou ao fechar a UTI pediátrica que foi inaugurada apenas há 1 ano e chorou, chorei junto.. É muito triste e revoltante o que esse governador está fazendo, o ponto que ele deixou chegar. Enquanto isso, ele está passeando na China!

  4. É um absurdooooo!

Comente, sua opinião é Importante!

Uninter - Banner JPG