Eduardo e Flávio chocam Silvio Santos com sua burrice | MUVUCA POPULAR

Quinta-feira, 22 de Agosto de 2019

ENTRETENIMENTO Segunda-feira, 15 de Julho de 2019, 11h:17 | - A | + A




TESTE SEU QI

Eduardo e Flávio chocam Silvio Santos com sua burrice

Enquanto enfrenta a enxurrada de críticas sobre a possível indicação para a embaixada do Brasil nos Estados Unidos, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL/SP) parece estar tirando um pouco do seu tempo como parlamentar para curtir o lado que a vida de político, e de filho do presidente da República, podem lhe oferecer: a fama.

Neste domingo (14/07/2019), o parlamentar participou do Programa Silvio Santos, em um jogo de perguntas e respostas. O apresentador do SBT recebeu, além do “03”, o filho mais velho do chefe do Executivo Federal, Jair Bolsonaro (PSL), o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ).

Os irmãos participaram do quadro Três Pistas. Na atração, os convidados giram uma roleta e retiram um cartão que contém dicas. Silvio, então, lê as pistas até que os participantes adivinhem do que se trata.

As perguntas selecionadas pela produção foram, em sua maioria, relacionadas à política. Eduardo se deu melhor que o irmão e acertou boa parte delas, vencendo por 65 a 18. No entanto, nenhum deles conseguiu acertar a charada que levava ao sobrenome da família.

O apresentador ainda brincou e disse que os irmãos iam levar uma bronca do presidente, e que precisavam estudar mais sobre o tema. Fora isso, ninguém falou nada mais sobre o governo ou o que está acontecendo no Congresso.

Ou seja, o deputado Eduardo Bolsonaro não comentou as pretensões de seu pai de indicá-lo como embaixador do Brasil no país norte-americano.

Vale lembrar que o programa foi gravado há mais de uma semana, antes mesmo de o parlamentar completar 35 anos – idade mínima para conquistar um cargo em embaixadas e a possibilidade surgir.

 

Na quinta-feira (11/07/2019), Jair Bolsonaro defendeu o nome de Eduardo para assumir a principal representação diplomática do país nos Estados Unidos. A indicação recebeu críticas sobretudo pelas ligações familiares e pela falta de experiência do deputado. Até mesmo o guru do presidente, Olavo de Carvalho, já se posicionou contrário à indicação.

Em maio, o dono do SBT já havia recebido o presidente Jair Bolsonaro no palco da atração. Durante bate-papo descontraído, Bolsonaro contou ao dono da emissora que não teve problemas para usar a bolsa de colostomia após a facada recebida durante um ato de campanha, em Minas Gerais, já que o produto era de alta tecnologia. Apesar disso, lembrou que na rede pública não há fornecimento do material com tanta qualidade e, por isso, muitos brasileiros usam “um saco plástico” ao serem colostomizados.

Na ocasião, o presidente da República contou, também, sobre seu dia a dia em Brasília. Disse que, depois do atentado que sofreu – razão pela qual precisou passar por três cirurgias –, não consegue mais praticar exercícios físicos como antes. “Logicamente, eu perdi muita coisa”, disse.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários