Vendas caem e pequenos produtores reduzem cultivo em MT durante a pandemia | MUVUCA POPULAR

Quinta-feira, 01 de Outubro de 2020

GOVERNO Terça-feira, 21 de Julho de 2020, 20h:18 | - A | + A




Vendas caem e pequenos produtores reduzem cultivo em MT durante a pandemia

O agricultor costumava colher até 500 pés de alface por semana, mas com a pandemia e a queda de 70% nas vendas, o jeito foi reduzir os cultivos


redacaomuvuca@gmail.com

O mato toma conta de 15 canteiros que foram abandonados na propriedade de Roberto Pietro, em Campos Verde, a 139 km de Cuiabá. Na área, o agricultor costumava colher até 500 pés de alface por semana, mas com a pandemia e a queda de 70% nas vendas, o jeito foi reduzir os cultivos.
“A gente achava que era uma coisa passageira, mas infelizmente foi se agravando cada vez mais e aí a gente foi perdendo venda e estamos com a corda no pescoço”, diz Roberto.
No sítio do Lidiomar Pedroso, algumas hortaliças ainda vão para o lixo.
Diante de tantos prejuízos, o produtor decidiu reduzir o plantio de alface. Do total de 60 bancadas de hidroponia, 30 vão ficar vazias até o fim da pandemia. Enquanto isso, ele aposta em outros cultivos na tentativa de sair do vermelho.
“Estou plantando 2,8 mil pés de pimentão e 5 mil pés de couve. A expectativa é já começar a produção daqui a 40 dias. Plantei para ter um escape, não produzir só folhas para ver se melhoram as coisas. Vamos acreditar que até o final do ano acaba isso e que em 2021 a gente consiga conquistar o que não conseguimos em 2020.

Segundo o agrônomo da Empaer, Kênio Nogueira, a falta de plantio deve trazer ainda mais prejuízos.
“Quando você tem um solo produtivo, como era o caso do solo do Roberto e você deixa de produzir, a primeira coisa que vêm são as plantas daninhas. Com isso ele vai ter problemas lá na frente, quando ele voltar a cultivar. Vai gastar mais para produzir nesse solo””.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Saúde em 1º lugar
Corona nas eleições
Distribuição de absorventes 
Lucas do Rio Verde
Atingidos pelo fogo

Últimas Notícias
01.10.2020 - 14:15
01.10.2020 - 14:07
01.10.2020 - 14:03
01.10.2020 - 13:49
01.10.2020 - 13:49


Muvuca (PL)

Adevair Cabral (PTB)

Chico 2000 (PL)

Misael Galvão (PTB)

Ricardo Lobo (PL)

Aladir (PL)

Sargento Joelson (SD)

Juca do Guaraná (MDB)

Luluca Ribeiro (MDB)

Macrean

Ralf Leite (MDB)

Renivaldo Nascimento

Toninho de Souza

Edna Sampaio (PT)

Robson Cireia (PT)

Ricardo Saad

Oseas Machado (MDB)

Rogério Varanda

Alex Ribeiro (PP)

Maurélio (PSDB)

Dudu Santos

Marcelo Bussiki

Vinícyus Clovito

Diego Guimarães

Mário Nadaf

Marcos Veloso

Gisele Almeida

Orival do Farmácia

Wilson Kero-Kero

Dr. Xavier

Justino Malheiros

Zidiel Coutinho

Sargento Vidal

Dídimo Vovô

Clebinho Borges

Júlio da Power

Jamilson Moura

Emídio de Souza (PSL)

Adalberto Cavalcanti

Ricardinho

Kako do CPA

Dilemário Alencar

Max Campos (PSB)

Cezinha Nascimento

Edienes Hadassa

Dr Luiz Fernando

PF Rafael Ranalli

Gabriel Henrique

Itamar Jefferson (PL)

Cristiano Paraqueda

Sebastião Moraes

Daniel

Justino Campos

Rafael "Faré"

Darley Gonçalves

Osmar Rodrigues "Chefinho"

Elenir Pereira

Prof.instrutor Joaquim Neto

Diogo Fernandes

Ade Silva

Sargento Ozeni

Dito Paulo

Paulo Macedo

Luiz BA

Professor Frankes

Paulo da VGDI

Valdemir MM

Weto Salgado

Dr. Daúde

Bob Medina

Wagner Vinícius

Luis Carlos

Carlos Henrique do Correio

Adv Cris

Elenir Pereira

Zé Carlos

Luis Cláudio

Huelton Souza

Rosenil Luiz (Canelinha de pacu) (PL)

Sargento Ozeni

Luiz Poção (PL)

Edilson Odilon (PL)

Paulinho CPA

Germânio Araújo

Chico do Leblon

Delegado Garcia

Renato Anselmo

Cleber Adôrno

Doidinhoducorte

Neno do Pascoal Ramos

Prof. Jorginho



Informe Publicitário