Igreja Batista Getsemâni

Presidente da Câmara diz que Abílio é descontrolado e de baixo nível

Misael Galvão perdeu a paciência com o vereador durante sessão da Comissão de Ética

Redação
redacaomuvuca@gmail.com

MA

A Câmara de Vereadores de Cuiabá realizou nesta terça-feira (13), um debate com a Comissão de Ética para apurar o processo sobre a suposta quebra de decoro parlamentar do vereador Abílio Junior (PSC).

Durante a discussão, o acusado criticou a ação e afirmou que a atenção que está sendo dada ao processo é desnecessária e exagerada. 

Com isso, o presidente do Parlamento Municipal, Misael Galvão (PSB), rebateu as críticas e alegou que Abílio é despreparado emocionalmente, pois o vereador não sabe se relacionar de forma civilizada com as pessoas e não é capaz de dialogar política de alto nível.

"A sociedade não quer mais saber de conversa fiada de Vossa Excelência. A sociedade quer resultado. Quando vier dialogar com Misael Galvão, vamos debater Cuiabá, resultados. Vossa Excelência fala bonito, chama holofotes, mas esse não é o meu perfil, não preciso disso", ressaltou o presidente.

Além disso, Misael explicou que todos os processos instaurados na Câmara recebem a mesma atenção, seja para a aceite ou negação do pedido. “Aqui tem limites, tem ética, tem respeito”, pontuou.

Segundo o presidente, Abílio só pensa em redes sociais e em holofotes, pouco se importa com a real situação em que Cuiabá se encontra.  “Tenho mais de 3 mil indicações esse ano. Se Vossa Excelência não pensa no povo, vamos no Parque Cuiabá ver as demandas, vamos no Dr. Fábio fiscalizar asfalto. Mas não venha com palanque barato, com picuinha”.

O processo que está sendo averiguado pela Câmara foi aberto devido a uma ação de Abílio Junior em maio, quando o vereador filmou uma obra na casa do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), sob a justificativa de que a construção era irregular. Durante a "fiscalização", o parlamentar transmitiu tudo pelas redes sociais. 


Fonte: MUVUCA POPULAR

Visite o website: https://muvucapopular.com.br