Igreja Batista Getsemâni

Idoso falece em Poconé após Samu negar transferência para Cuiabá

Mesmo com ambulância parada no local, Central não liberou o deslocamento

Vitória Tumelero
redacaomuvuca@gmail.com

Ambulância do SAMU / Foto: Reprodução

Um idoso faleceu em um Pronto Atendimento Médico (PAM), no município de Poconé, localizado a 104 km de Cuiabá, após o Centro de Regulação do SAMU negar a transferência para o Pronto Socorro da capital. O paciente deu entrada no PAM às 08 horas da manhã e faleceu às 12 horas, com a pressão arterial e os batimentos cardíacos instáveis.

Segundo o relato do amigo do falecido, o idoso acordou se sentindo indisposto, com fortes dores no estômago, então foram ao PAM para saber o que estava acontecendo, ao realizar alguns exames, foi diagnosticado que a glicemia do paciente estava extremamente alta, marcando 398 mg. O médico da unidade receitou medicamentos para abaixar a taxa, mas após as dosagens, a glicemia caiu apenas para 396 mg.

O médico também solicitou um eletrocardiograma para examinar a frequência cardíaca do paciente, no entanto, ao realizar duas vezes o exame, o clínico alegou que o equipamento da unidade estava com defeitos e seria melhor que o paciente realizasse pela terceira vez em uma clínica particular ao lado do Pronto Atendimento.

Sendo assim, o idoso foi até a clínica, acompanhado de seu amigo, pois os dois estavam em uma viagem a trabalho em Poconé, e pagou pelo exame. Porém, ao levar para o médico analisar, o doutor não foi capaz de identificar qual seria o problema e determinou a transferência para o Pronto Socorro de Cuiabá.

Ao solicitar ao SAMU a transferência, o pedido foi negado pela Central de Regulação, pois a ambulância do local estava em viagem no município de Lucas do Rio Verde, localizado a 427 km de Poconé. O amigo do paciente ficou cerca de duas horas em busca da liberação para Cuiabá mas, infelizmente, o idoso chegou a óbito.

De acordo com o companheiro do paciente, a vereadora Camila Silva (PSC) chegou a ir até a unidade hospitalar, para tentar auxiliar na aprovação da transferência, entretanto, o tempo não foi suficiente.


Fonte: MUVUCA POPULAR

Visite o website: https://muvucapopular.com.br