Igreja Batista Getsemâni

Wellington Fagundes diz que eleição não é ideal para 2020

Senador afirma que foco deve estar no combate à Covid-19

Jéssica Moreira
redacaomuvuca@gmail.com

 

O senador Wellington Fagundes (PL) avalia que não é o melhor momento para eleições municipais em 2020. Na visão do parlamentar, um pleito neste momento tira o foco dos gestores municipais em combater o covid-19.

"Eu tenho certeza que uma eleição agora, onde os prefeitos  estão candidatos, os vereadores, quem mais cuida do cidadão é a ponta, o município. Pra mim não seria o ideal que tivesse eleição esse ano". 

Wellington afirmou que diante da crise sanitária, econômica e política "fica cada vez mais clara a inviabilidade de se manter eleição deste ano". Para ele, salvar vidas e proteger a saúde da população contra a pandemia da covid-19 se sobrepõe a qualquer outra prioridade.

O senador apresentou uma proposta de emenda à Constituição que prorroga por dois anos os mandatos de prefeitos e vereadores eleitos em 2016 e transforma o pleito de 2022 em eleições gerais. Dessa forma, seriam eleitos ao mesmo tempo, além de prefeitos e vereadores, o presidente da República, governadores e deputados federais e estaduais.

"Uma eleição de dois em dois anos tem sido ruim para o país, não dá pra fazer planejamento, na hora que termina uma eleição já começa a falar na outra".

“E os motivos são muitos, primeiro a questão da pandemia, mas também a economicidade, porque serão R$ 6 bilhões em gastos eleitorais em um momento que estamos precisando de remédios, UTIs, empregos, recursos para salvar vidas e empresas. Um momento que o país vive na atenção dos preceitos que é preciso cuidar da saúde”, completou.

“Estamos diante da maior crise sanitária do século, que recomenda o adiamento das eleições", finalizou. 


Fonte: MUVUCA POPULAR

Visite o website: https://muvucapopular.com.br