Igreja Batista Getsemâni

Secretaria Municipal de Saúde convoca grupos prioritários para serem vacinados

A vacina protege contra Influenza A H1N1, Influenza A H3N2 e Influenza B

Redação

 

A campanha de vacinação contra a Influenza, que já entrou na sua terceira etapa, está com baixos índices de imunização. A população alvo desta campanha é de mais de 228 mil pessoas e até o momento pouco mais de 37 mil procuraram os postos de saúde para se imunizarem. A cobertura vacinal está em 16,2% atualmente. Nesta terceira etapa estão sendo imunizadas pessoas com comorbidades, pessoas com deficiência permanente, forças de segurança e salvamento e Forças Armadas.

Além desses novos grupos, a Secretaria Municipal de Saúde – SMS continua vacinando os demais grupos, que incluem crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade, gestantes, puérperas, trabalhadores da saúde, idosos e professores. Para comprovar a comorbidade, a pessoa precisa levar um laudo médico, assinado e carimbado, ou receitas médicas desde que estejam com a descrição da comorbidade (da lista divulgada pelo Ministério da Saúde, que está no final do texto) e com o Código Internacional de Doenças – CID.

Da mesma forma, o prontuário médico também é aceito como comprovação de comorbidade, desde que assinado e carimbado pelo médico. No caso de pessoas com deficiência permanente, é necessário levar a cópia de um documento que comprove a deficiência. “A procura pela vacina da Influenza tem sido baixa na Capital, mas as pessoas devem se atentar para a importância da imunização contra a gripe, pois ela também pode gerar hospitalização e até óbito.

A vacina protege contra a Influenza A H1N1, Influenza A H3N2 e Influenza B”, comentou o coordenador de Programas Estratégicos da SMS, Wellington Assunção Ferreira. Todos os postos e centros de saúde estão realização a vacinação contra a gripe, com exceção das seguintes unidades: PSF Osmar Cabral / Liberdade, PSF Nova Esperança, PSF Pedra 90 lll e lV e PSF São Gonçalo, na região Sul; PSF Novo Horizonte e CS Ana Poupina, na região Leste; PSF Santa Amália /Jd. Araçá, PSF Santa Isabel I e II e PSF Santa Isabel III, na região Oeste.  

CONFIRA ABAIXO A LISTA DE COMORBIDADES LIBERADAS PARA A VACINAÇÃO CONTRA A INFLUENZA:  

Doença respiratória crônica: Asma em uso de corticoide inalatório ou sistêmico (Moderada ou Grave); Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC); Bronquiectasia; Fibrose Cística; Doenças Intersticiais do pulmão; Displasia broncopulmonar; Hipertensão Arterial Pulmonar; Crianças com doença pulmonar crônica da prematuridade. Doença cardíaca crônica: Doença cardíaca congênita; Hipertensão arterial sistêmica com comorbidade; Doença cardíaca isquêmica; Insuficiência cardíaca.

Doença renal crônica: Doença renal nos estágios 3,4 e 5; Síndrome nefrótica; Paciente em diálise.

Doença hepática crônica: Atresia biliar; Hepatites crônicas; Cirrose.

Doença neurológica crônica: Condições em que a função respiratória pode estar comprometida pela doença neurológica; Considerar as necessidades clínicas individuais dos pacientes incluindo: Acidente Vascular Cerebral, Indivíduos com paralisia cerebral, esclerose múltipla, e condições similares; Doenças hereditárias e degenerativas do sistema nervoso ou muscular; Deficiência neurológica grave.

Diabetes: Diabetes Mellitus tipo I e tipo II em uso de medicamentos.

Imunossupressão: Imunodeficiência congênita ou adquirida Imunossupressão por doenças ou medicamentos.

Obesos: Obesidade grau III.

Transplantados: Órgãos sólidos; Medula óssea.

Portadores de trissomias: Síndrome de Down, Síndrome de Klinefelter, Síndrome de Warkany, dentre outras trissomias.


Fonte: MUVUCA POPULAR

Visite o website: https://muvucapopular.com.br