Em conferência da ONU, Mato Grosso defende valorização da floresta  | MUVUCA POPULAR

Segunda-feira, 03 de Agosto de 2020

MUVUCADAS Segunda-feira, 09 de Dezembro de 2019, 15h:10 | - A | + A




Fortalecimento de cadeias produtivas

Em conferência da ONU, Mato Grosso defende valorização da floresta

Fortalecimento de cadeias produtivas


redacaomuvuca@gmail.com

Representantes de Mato Grosso iniciaram atividades na Conferência da ONU a respeito da inclusão social e melhoria na qualidade de vida da população que vive na Região Amazônica. O posicionamento foi consenso entre todos os Estados Nacionais e Subnacionais que abrigam florestas em seu território e participaram da reunião da Força Tarefa dos Governadores pelo Clima e Floresta (GDF Task Force), realizada na manhã desta segunda-feira (09), em Madri, na Espanha.

Estados do Brasil, México, Peru, Colômbia e Indonésia registraram as suas prioridades para nortear as ações dos fundos de investimento gerenciados pelo GCFpara a próximo ano.

“É importante deixar de pensar apenas em assistencialismo para promovermos o fortalecimento das cadeias produtivas, com investimento em biotecnologia, para que a população consiga viver da floresta e na floresta, conservando os recursos naturais com dignidade e igualdade social”, reforça a secretária de Estado de Meio Ambiente de Mato Grosso, Mauren Lazzaretti.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Talisia - 09-12-2019 20:59:39

A DELEGAÇÃO MATO GROSSENSE QUE ESTÁ EM MADRI NA CONFERENCIA DO CLIMA, TEM DE FALAR A VERDADE QUE O GOVERNO DE MATO GROSSO COM A MAIORIA DOS DEPUTADOS VIVEM LEGISLANDO A FAVOR DAS CAUSAS PRÓPRIA, ISTO É REVOGANDO LEI DA FISCALIZAÇÃO DE DEFESA DOS RECURSOS NATURAIS RENOVÁVEIS DO INDEA COM MAIS DE 40 anos. E TAMBÉM CRIANDO LEIS QUE AMPLIA O LIMITE PARA DESMATAR, TUDO ISSO É SIMPLESMENTE PARA AFROUXAR A FISCALIZAÇÃO DO DESMATAMENTO ILEGAIS E DO TRANSPORTE DE MADEIRAS ILEGAIS COMO A CASTANHEIRA, O PIQUI E A SERINGUEIRA PROIBIDAS DE CORTE E TANTAS OUTRAS, E AINDA MAIS, É SÓ CONVERSA FIADA ESSA DE QUE DEFENDE A VALORIZAÇÃO DA FLORESTA.

Responder

1
0


1 comentários

coluna popular
Bombeiros atuam no combate
A partir de hoje
Luto
Forças na ALMT
Oportunidade

Últimas Notícias
03.08.2020 - 16:20
03.08.2020 - 16:11
03.08.2020 - 16:04
03.08.2020 - 15:39
03.08.2020 - 15:10




Informe Publicitário