Medeiros acertou no número de votos, mas errou na decisão  | MUVUCA POPULAR

Sábado, 25 de Janeiro de 2020

MUVUCADAS Sexta-feira, 13 de Dezembro de 2019, 10h:06 | - A | + A




Apostou a favor de Selma

Medeiros acertou no número de votos, mas errou na decisão

Apostou a favor de Selma

 Foto: reprodução 

O deputado federal José Medeiros (Podemos) estava esperançoso que a colega de partido, a ex-juíza Selma Arruda, fosse absolvida da cassação pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por 6 votos a 1.

Entretanto, apesar de acertar o número de votos, o parlamentar errou no resultado que foi em desfavor da ex-juíza, que teve o mandato cassado nessa semana por 6 votos favoráveis e apenas 1 contra.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(4) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Carlos Nunes - 15-12-2019 17:27:41

Acho que a Juíza SELMA deve levar esse seu Processo de Cassação até a última Instância que é o Supremo...quem chegou até aqui, deve seguir em frente...até a última decisão. Deixa o Supremo decidir... Ninguém entrevistou a Dra. SELMA pra saber o que ele vai fazer agora...apela pro Supremo? Devia apelar. Que acontece se o Processo de Cassação continua, na última Instância? Pode fazer a eleição pro Senado? E se o Supremo decide não cassar mais a Juíza? A eleição só pode acontecer depois da decisão na última Instância...Esse assunto não se encerrou...ainda. Essa novela vai continuar. A não ser que o Supremo decida rapidinho...Vai que tem nova eleição, alguém é eleito...aí, o Supremo contradiz a Cassação feita pelo TSE. Quem sabe o advogado da Juíza explica, nos mínimos detalhes, aquilo que o TRE/MT e o TSE não entendeu, ou não viu. Só tio Fachin entendeu...e olha que pro tio Fachin entender, foi bem entendido, pois ele costuma examinar os casos nos mínimos detalhes.

Responder

3
0


Carlos Nunes - 14-12-2019 15:50:24

Continuando meu comentário anterior...eu dizia que nenhuma pessoa é candidata a nada, nem pode ser, ANTES de passar pela Convenção de um Partido Político, e registrar essa candidatura aprovada na Convenção, num TRE. Ou seja, ANTES da Convenção, fulano ou cicrano é só um simples eleitor...não é candidato a nada. Ano que vem teremos eleição pra Prefeito, só pra Cuiabá, tem previsão de aparecer vários candidatos...Quantos? Saberemos DEPOIS das Convenções. Essas Convenções acontecerão no mês de Agosto/2020. Que aconteceria se começassem a fuçar a vida de todos esses candidatos, pra ver a movimentação bancária, se fizeram empréstimos, se depositaram, sacaram, etc,, durante o período de Janeiro até Julho/2020...meses ANTES da Convenção? Deveria fazer com todos então, pois fizeram isso com a Juíza SELMA, uai. Aliás, deviam fazer isso em TODO território nacional, nos mais de 5 mil municípios, com os milhares de candidatos a Prefeito. O que serve pra um...tem que servir pra todos, ou não? Todo mundo sabe, por exemplo, que o Supremo já mudou o processo de Impeachment...antes presidente impichado perdia o mandato e seus direitos políticos. Aí, tio Levan, representando o Supremo na decisão do Impeachement, fez tia Dilma perder o mandato, mas continuar com seus direitos políticos. Essa regra agora tem que valer pra todos os futuros presidentes que forem impichados. Ou vai valer só pra tia Dilma? Tá na cara que a Juíza SELMA foi perseguida...seu caso é inusitado no Brasil. TRE devia ter analisado fatos que aconteceram da data de registro da candidatura, onde ela de fato e de direito tornou-se candidata oficial, até a contagem dos votos, que lhe deu a vitória como Senadora mais votada de Mato Grosso. Se ela tivesse feito algum empréstimo nesse período, deveria prestar contas. Período entre Agosto a Outubro/2018...e não empréstimo que aconteceu em abril e junho/2018, quando ela não era candidata a nada, nem podia ser.

Responder

3
3


Carlos Nunes - 13-12-2019 17:00:46

Essa Cassação da Juiza SELMA só vai ser entendida daqui a alguns anos...quando a ficha cair pra muitos. Não tem pé nem cabeça...É uma mistura de VINGANÇA dos Poderosos...PRECONCEITO contra a Mulher...CONFUSÃO de datas...etc. VINGANÇA? A Juíza passou 22 anos, batendo de frente contra o crime organizado, as facções, os corruptos, as máfias de Mato Grosso. Mandou vários chefões do crime, caciques políticos, que se achavam reis do pedaço pra cadeia. Desbaratou quadrilhas que roubavam Mato Grosso faz tempo. Essa turma não gosta da Juíza...ODEIA. Então era de imaginar que uma vingança, direta ou indireta haveria de surgir disso tudo. Acho que ela subestimou essa turma perigosa, que não brinca em serviço. PRECONCEITO? A vaga de Senador é uma das mais cobiçadas, pois além do mandato ser de 8 anos, é no Senado que as coisas são decididas. Essa vaga já tava loteada entre os Poderosos...aí, aparece a Juíza como candidata, sem dinheiro, sem condições...só com sua folha de serviços prestada ao povo....colocar facínoras na cadeia. E o pior pra eles, foi a Senadora mais votada, com 678.542 votos...e olha que não comprou nenhum voto, quem votou na Juíza votou consciente por decisão própria espontânea. Mulher sendo mais votada? E a turma que não gosta de Mulher na Política? O que achou disso? Bem, pra essa turma, provavelmente ano que vem...nenhuma Mulher pode ser Prefeita, nem vereadora. Cuiabá vai ficar igualzinho como tá...sem nenhuma vereadora. CONFUSÃO? A regra geral nacional é que...nenhuma pessoa pode ser candidata a nada, sem ANTES ter passado pelo Convenção de um Partido Político, e, em seguida, pelo Registro da Candidatura num TRE. A Convenção, que escolheu a Juíza como candidata, aconteceu em Agosto/2018. Entretanto, focalizaram em dois empréstimos feitos pela Juíza, cujo dinheiro entrou em sua conta bancária, em abril e junho/2018...ANTES da Convenção. Ora, ANTES da Convenção e do Registro da Candidatura, a Juíza não era ainda candidata a nada, nadinha. Não caberia à Justiça Eleitoral, fuçar a vida da Juíza por empréstimos no período em que ela não era candidata a nada. O único Órgão que talvez pudesse inteirar-se desse empréstimos, seria a Receita Federal, com o objetivo até de cobrar impostos, de acordo com as regras do IR. Caixa 2 é quando o cara recebe mala da dinheiro e não passa recibo, muito menos movimenta conta bancária. A Dra. SELMA, teve os empréstimos, anteriores à Convenção Partidária, depositados em sua conta bancária, não escondeu nada...Se quisesse esconder o dinheiro, jamais depositaria em sua conta...porque na conta todo mundo sabe, o Banco, o COAF, etc. É uma pessoa corretíssima. Não é daquelas de encher bolsos, bolsas, pastas, com pacotes de dinheiro. Houve lisura em todas as suas ações.

Responder

5
9


Duvida - 13-12-2019 21:34:09

Kkk corretíssima hum só desequilibrado para dizer é acreditar nisso, ela é mais uma falsa moralista e a casa tá caindo desse pessoal e vai cair de mtos. Deveria ser presa além de cassada

Responder

9
3


4 comentários

coluna popular
Vereador responderá por xingar servidor
Vice caiu no esquecimento após queimar largada
Juarez já confirmou pré-candidatura por Sinop
Taxa Mendes
Parlamentar pede ajuda do Governo Federal

Últimas Notícias
24.01.2020 - 21:54
24.01.2020 - 20:16
24.01.2020 - 20:00
24.01.2020 - 18:51
24.01.2020 - 18:43




Informe Publicitário