Mendes nega politicagem em crise de coronavírus | MUVUCA POPULAR

Domingo, 31 de Maio de 2020

MUVUCADAS Quinta-feira, 09 de Abril de 2020, 16h:44 | - A | + A




Não está de olho em reeleição

Mendes nega politicagem em crise de coronavírus

Não está de olho em reeleição


redacaomuvuca@gmail.com

 

O governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM), negou que suas decisões no enfratamento do coronavírus (Covid-19) estão centradas em politicagem, em vista de uma possível reeleição. Mendes garante que entre o dilema da economia e da saúde pública, ele prefere ficar ao lado da ciência. O governador reeforçou que as ações do governo estão sendo pautadas por critérios técnicos.

O discurso do Chefe do Executivo vai contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que critica o isolamento social e critica governadores e prefeitos por medidas 'desesperadas'.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

jose a silva - 11-04-2020 09:29:48

ISSO, NA ATUALIDADE, DIAS DE HOJE, NÓS SABEMOS, POIS NEM TEMPO PRA ISSO TEM! MAS, CONVENHAMOS, SE SAIR À REELEIÇÃO, VAI LEVAR UMA TACA QUE VAI PRECISAR DE GPS PRA ACHAR SUA CASA. ISSO AINDA A DEPENDER DOS CONCORRENTES AO CARGO, POIS HOJE, É VERGONHOSO FALAR ISSO, MAS NÃO TEM UM ÚNICO CANDIDATO COM CONDIÇÕES MORAIS, ÉTICAS, DE CARÁTER PARA OCUPAR O CARGO. NEM SEU ATUAL TITULAR!

Responder

1
0


Jedae - 10-04-2020 07:13:59

Aqueles comunas, que vociferavam que Bolsonaro traria a ditadura de volta, estão fazendo com muito maior intensidade aquilo que condenam, e só podemos concluir uma coisa: Ditadura para eles é só a que tutelam, ou sejam são uns hipócritas e dissimuladas. Essa é a esquerda que nós temos, e aos que ainda insistem em apoia-la, cuidado, pois a Venezuela está bem aqui do lado para nos lembrar como funciona a ditadura deles. No STF continua envergonhando o país. Falam tanto em respeito dos poderes, mas permitem que ministros como Gilmar Mendes critiquem cotidianamente a instituição da presidenciais da república, que também é independente. O papel do STF é defender a constituição quando provocado, e não fazer política, pois isso deve ser feito pelos outros dois poderes constituídos!.

Responder

3
0


2 comentários

coluna popular
Prefeitura de Cáceres
Preferiu o silêncio
Ação com o prefeito de Cuiabá
Luto na comunicação
Volta às atividades

Últimas Notícias
30.05.2020 - 18:03
30.05.2020 - 17:30
30.05.2020 - 15:09
30.05.2020 - 14:18
30.05.2020 - 11:01




Informe Publicitário