Vereador arrega em pedido de cassação de Abílio | MUVUCA POPULAR

Quarta-feira, 22 de Maio de 2019

MUVUCADAS Terça-feira, 14 de Maio de 2019, 15h:39 | - A | + A




Acusações foram só fogo de palha

Vereador arrega em pedido de cassação de Abílio

Acusações foram só fogo de palha


redacaomuvucapopular@gmail.com

O vereador de Cuiabá, Renivaldo Nascimento (PSDB), desistiu de pedir a cassação do colega Abílio Brunini (PSC), sob a acusação de quebra decoro. A anulação do pedido, se deu em razão da ação já instaurada pelo Sindicato dos Agentes de Fiscalização do Município de Cuiabá (Sindasfimc).

“Não vou apresentar porque já tem um pedido, né?! O pedido vai ser lido hoje e aí vamos esperar a Comissão de Ética analisar se houve exagero ou não”, declarou Renivaldo.

Após criticar duramente a atitude de Abílio por invadir a privacidade da residência do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), Renivaldo alegou que a decisão sobre a ação cabe à Comissão de Ética, e que o sindicato deve cuidar da situação.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(3) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Ricardo Do Areao - 15-05-2019 10:27:59

Paulo Henrique e do PV faz parti do prefeito do palito ele e suplente de VEREADOR Mário madaf por isso isso e jogada do prefeito

Responder

0
0


Paquin - 14-05-2019 16:58:50

Esse sindicato é vendido igual ao vereador, no caso da CPI da CAB! A prefeitura dá alvarás até em APP's e não fiscalizam obras irregulares e talvez "fecharam os olhos" pra obra irregular do prefeito, seu patrão, e acham ruim que um vereador, no caso o Abílio, faça o serviço deles!

Responder

3
0


Carlos Nunes - 14-05-2019 16:33:14

Fiscal da Prefeitura fiscalizar a casa do Prefeito...não dá certo. Em nenhum lugar do mundo deu certo empregado fiscalizar o Patrão. E se descobrir irregularidades? Vai dizer O Que? Quem tem que entrar neste caso pra fazer um pente fino, tem que ser o CREA/MT ou o CAU/MT, pra ver o projeto de Reforma da casa, se tem Engenheiro ou Arquiteto tomando conta...mais algum Organismo que não seja ligado à Prefeitura...seja totalmente IMPARCIAL. Comparativamente, seria a mesma coisa se a Secretaria do Meio Ambiente do Estado fosse fiscalizar propriedade do Governador...se descobrissem alguma coisa irregular, iam dizer O QUE? Essa é um Missão Impossível, em qualquer lugar do Brasil. Duvido se, algum lugar do Brasil, um dia um fiscal da Prefeitura multou, ou interditou obra na propriedade de algum prefeito. Multa, interdita...pra ver o que acontece com o coitado.

Responder

5
0


3 comentários