MPE considera auxílio-moradia mais vantajoso do que aumento salarial de 16,38% | MUVUCA POPULAR

Sábado, 24 de Outubro de 2020

PODERES Quarta-feira, 28 de Novembro de 2018, 10h:33 | - A | + A




Serviço Público

MPE considera auxílio-moradia mais vantajoso do que aumento salarial de 16,38%

Auxílio-moradia no MPE é de R$ 4.377 mil e aumento representa média de R$ 4 mil

(redacaomuvuca@gmail.com)
Redação

O procurador-geral de Justiça em substituição do MPE de Mato Grosso, Luiz Alberto Esteves Scaloppe, declarou que considera o aumento de 16,38% na remuneração mensal uma perda.

Nesta segunda-feira (26), o presidente da República, Michel Temer (MDB), sancionou a lei que aumenta o salário dos ministros da Corte de R$ 33,7 mil para R$ 39,3 mil, o que representa 16,38%. Porém, após a decisão, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Fux retirou o auxílio-moradia de magistrados e de outras carreiras jurídicas.

O auxílio-moradia que os promotores e procuradores de Justiça de Mato Grosso vão deixar de receber é de R$ 4.377 mil. Já o aumento no salário deles será de cerca de R$ 4 mil.

Conforme Scaloppe, o auxílio-moradia é mais vantajoso, porque o benefício entra como verba indenizatória. Ou seja, não é descontado imposto sobre o valor, diferentemente da remuneração, sobre a qual incide imposto de renda.

No âmbito político, porém, Scaloppe considera um ganho. “Porque acaba essa ideia do auxílio-moradia e da crítica social que é feita a ele. É uma solução de Estado, porque resolveram um problema”.

Contudo, o procurador-geral de Justiça de Mato Grosso, declarou que o Ministério Público vai procurar formas para recuperar a “perda” salarial já a partir do próximo ano.

No estado, o aumento no salário impactará os cofres públicos em R$ 16,6 milhões por ano, segundo estudo elaborado pela Secretaria de Gestão (Seges).

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

alexandre - 28-11-2018 16:12:47

Todos com capacidade contributiva, tem que pagar imposto de renda, verba indenizatoria , é sonegação e salário indireto...

Responder

2
1


1 comentários

coluna popular
Desmandos, assedio moral e denúncias
Live marcada para domingo
Família crescendo
Várzea Grande
Luto no jornalismo

Últimas Notícias
23.10.2020 - 23:58
23.10.2020 - 23:43
23.10.2020 - 22:35
23.10.2020 - 21:28
23.10.2020 - 21:24


Muvuca (PL)

Adevair Cabral (PTB)

Chico 2000 (PL)

Misael Galvão (PTB)

Ricardo Lobo (PL)

Aladir (PL)

Sargento Joelson (SD)

Juca do Guaraná (MDB)

Luluca Ribeiro (MDB)

Macrean

Renivaldo Nascimento

Toninho de Souza

Edna Sampaio (PT)

Robson Cireia (PT)

Ricardo Saad

Oseas Machado (MDB)

Rogério Varanda

Alex Ribeiro (PP)

Maurélio (PSDB)

Dudu Santos

Marcelo Bussiki

Vinícyus Clovito

Diego Guimarães

Mário Nadaf

Marcos Veloso

Gisele Almeida

Orival do Farmácia

Wilson Kero-Kero

Dr. Xavier

Justino Malheiros

Zidiel Coutinho

Sargento Vidal

Dídimo Vovô

Clebinho Borges

Júlio da Power

Jamilson Moura

Emídio de Souza (PSL)

Adalberto Cavalcanti

Ricardinho

Kako do CPA

Dilemário Alencar

Max Campos (PSB)

Cezinha Nascimento

Edienes Hadassa

Dr Luiz Fernando

PF Rafael Ranalli

Gabriel Henrique

Itamar Jefferson (PL)

Cristiano Paraqueda

Sebastião Moraes

Daniel

Justino Campos

Rafael "Faré"

Darley Gonçalves

Osmar Rodrigues "Chefinho"

Elenir Pereira

Prof.instrutor Joaquim Neto

Diogo Fernandes

Ade Silva

Sargento Ozeni

Dito Paulo

Paulo Macedo

Luiz BA

Professor Frankes

Paulo da VGDI

Valdemir MM

Weto Salgado

Dr. Daúde

Bob Medina

Wagner Vinícius

Luis Carlos

Carlos Henrique do Correio

Adv Cris

Elenir Pereira

Zé Carlos

Luis Cláudio

Huelton Souza

Rosenil Luiz (Canelinha de pacu) (PL)

Sargento Ozeni

Luiz Poção (PL)

Edilson Odilon (PL)

Paulinho CPA

Germânio Araújo

Chico do Leblon

Delegado Garcia

Renato Anselmo

Cleber Adôrno

Doidinhoducorte

Neno do Pascoal Ramos

Prof. Jorginho

Itamar Carvalho

Sidney de Souza

Marquinhos Carioca

Renato Anselmo

Pablo Queiroz

Pastor Jeferson

Paulo do Carmo

Vinícius Pardi

Aroldo Telles

Marcus Brito Jr.

Elzio Xaulin

Ledevino Conceição

Elias Santos

Edmilson Carmo

Gato Louco

Nilda Tosca



Informe Publicitário