“A meta é eleger pelo menos três vereadores em Cuiabá”, diz Júlio Campos  | MUVUCA POPULAR

Domingo, 15 de Setembro de 2019

POLÍTICA Segunda-feira, 19 de Agosto de 2019, 14h:38 | - A | + A




Sem força na capital

“A meta é eleger pelo menos três vereadores em Cuiabá”, diz Júlio Campos

Além da Câmara Municipal, o partido Democrata lançar uma candidatura própria para disputar o Palácio Alencastro


redacaomuvuca@gmail.com

O ex-senador Julio Campos líderes, confirmou durante a reunião dos membros do partido Democratas, nesta sexta-feira (16), o planejamento de ampliar os representantes da coligação na Câmara Municipal de Cuiabá.

Conforme Julio, ainda será realizado um planejamento visando 2020, mas a priori, o objetivo é de eleger ao menos três vereadores democratas.  

“O grupo do Fabio Garcia, que representa o governador Mauro Mendes, indicou seis membros. O grupo de Jaime e Julio Campos indicou seis membros e o grupo do Botelho e do Dilmar indicou mais três. Com isso chegamos a um consenso”, disse Júlio.

Além disso, o ex-parlamentar afirmou que uma forte campanha de filiações está prevista para a disputa municipal.

“Foi definido também que essa nova comissão provisória vai agora começar uma campanha forte de filiação, de modo a organizar uma chapa de vereadores para o ano que vem. E a meta do DEM em Cuiabá é eleger pelo menos três vereadores, já que hoje não temos nenhum”, explicou o ex-senador.

A prioridade pela chapa de vereadores, segundo ele, ocorre já que para a eleição do ano que vem não haverá mais coligações para as chapas proporcionais.

“Eleição mais complicada nem é tanto a de prefeito, mas sim de vereador. Não tendo coligação, cada partido terá que ter uma chapa completa para eleger seus representantes na Câmara. Temos que ter bastante candidatos, somar legenda e termos um bom coeficiente”, disse.

Palácio Alencastro

Julio ainda ressaltou a ideia de lançar candidatura própria ao Palácio Alencastro, até para “puxar” votos para os vereadores. Contudo, as definições em torno da disputa majoritária devem se intensificar a partir de abril do próximo ano, já que em março abre-se uma janela de troca partidária e o DEM poderá receber novos filiados.

De todo modo, a sigla já ventila alguns nomes que podem concorrer à sucessão do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB).

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários