Ato deste domingo pode alterar totalmente conjuntura política nacional | MUVUCA POPULAR

Segunda-feira, 24 de Junho de 2019

POLÍTICA Sábado, 25 de Maio de 2019, 17h:35 | - A | + A




Manifestação

Ato deste domingo pode alterar totalmente conjuntura política nacional

Se for o sucesso esperado pelos apoiadores ou o fracasso sonhado pelos opositores, o governo Bolsonaro nunca será mais o mesmo


De Brasília (Agência RBC News)

 

O ato programado para este domingo em apoio a Jair Bolsonaro tende a mudar radicalmente a conjuntura política nacional, independentemente de seu resultado. Em qualquer que seja o cenário, o país pode passar a viver um momento político totalmente conturbado, para o “bem” ou para o “mau”. Se for o grande sucesso esperado pelos apoiadores ou o enorme fracasso sonhado pelos opositores, o governo Bolsonaro nunca será mais o mesmo. E a vida nacional também.

Se for um fracasso, o enfraquecimento do presidente da República poderá selar de vez o seu governo, que já sofre enorme desgaste. Neste caso, se aprofunda a crise política e com ela a econômica e a institucional. Se for um sucesso, Bolsonaro se fortalece politicamente e poderá enveredar caminhos perigosos, dando ainda mais musculatura ao seu viés autoritário. Some-se a isto, alguns dos motes do protesto de amanhã: contra os dois outros poderes que formam o pilar da República, Legislativo e Judiciário.

E é justamente aqui que mora o perigo. Desde as últimas três semanas Bolsonaro tem intensificado seu combate à classe política – leia-se o Parlamento – e “à máfia de toga” - leia-se Judiciário. Ele, seus filhos, o guru da família, Olavo de Carvalho e os seguidores mais raivosos, tem centrado suas baterias contra congressistas e ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Se sair dos atos de amanhã com um contingente grande de apoiadores (dezenas de milhões) nas ruas, Bolsonaro poderá sedimentar seu projeto autoritário e para isto terá que colocar abaixo esses “inimigos”. Ou seja, estamos na vizinhança de uma ditadura.

A possibilidade de que os atos deste domingo ganhem forte musculatura é a grande tendência que apontam análises políticas e técnicas. No plano político, embora sem muito alarde, é intensa a mobilização para lotar as ruas e avenidas em ao menos 300 cidades de grande porte, sobretudo as capitais. Neste esforço está a militância bolsonarista, embora pequena se comparada a outros movimentos, mas bastante aguerrida, como facilidade se locomover e com grande poder financeiro. Soma-se a ela o círculo evangélico fundamentalista, com grandes representações, como a Igreja Universal, engajadas na mobilização de fiéis e suas órbitas.

No plano técnico, circula desde a tarde da última sexta-feira uma análise da equipe da BITES, especializada em captura e análise de grandes quantidades de dados (Big Data), que indica que as manifestações deste domingo despertam muito mais interesse do que as do dia 15, que reuniu opositores do presidente Bolsonaro. Foram 1,2 milhão de posts contra 206 mil para os atos da semana passada.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(9) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Carlos Nunes - 26-05-2019 12:45:59

Pra quem quiser saber a verdade sobre a Reforma da Previdência, é bom assistir pelo youtube, a palestra do professora DENISE LOBATO GENTIL, intitulada "Professora da UFRJ desmonta Reforma da Previdência". Quem puder assistir, assista. Aí, essa professora diz: entre 2005 até 2015, o Sistema de Seguridade Social, do qual a Previdência faz parte, teve um Superavit de mais de 900 BILHÕES DE REAIS. E ela pergunta: Pra onde foi parar esse dinheiro? Isso tem perguntar pro tio Lula e pra tia Dilma, pois nesse período foram eles que governaram o Brasil. Não me diga que foram eles que enterraram a Previdência. Além de causarem o desemprego de mais de 14 Milhões de trabalhadores, também causaram o inferno dos Aposentados e Pensionistas? BOLSONARO recebeu foi uma herança maldita...e ainda querem que em 5 meses, ele resolva tudo isso? Como o Mané expressou: colocaram o Brasil ladeira a baixo.

Responder

5
3


mané - 26-05-2019 11:47:52

Pois é Zé !!!...e Brasil ladeira à baixo ,comandado por um Jumento sôlto !!! Ainda.....rsr rsr rsr....

Responder

4
3


ze - 26-05-2019 11:30:10

lula esta preso babacas. kkkkk! em breve sera dilmanta!

Responder

5
2


Carlos Nunes - 26-05-2019 09:01:19

Gostei do comentário do Mané...tá preocupado em saber Quem matou a Marielle. Pois é, eu tô preocupado em saber Quem não impediu que mais de 1 MILHÃO DE PESSOAS fossem assassinadas no Brasil, no período do FHC até o Temer...8 anos do FHC, 8 anos de Lula, 6 da Dilma e 2 do Temer....Teve ano que mataram cem mil pessoas, teve ano que mataram 60 mil...Infelizmente a Marielle entrou nessa estatística das mais de 1 MILHÃO DE PESSOAS assassinadas. Talvez se a Marielle tivesse arma, fosse boa no tiro...quando o carro aproximou pra mata-la, teria mandado bala, e estaria viva até hoje. Isso é igual ao que aconteceu outro dia, quando um ladrão tentou assaltar uma moça, e ela campeã de MMA, deu uma surra no ladrão, e ainda ficou dando um mata-leão, até a polícia chegar...Ai, quando entrevistada, disse: as mulheres tem que estar preparadas pra REAGIR a altura. Diferente da propaganda em que a cada minuto uma Mulher é estuprada no Brasil. Queria ver um cara tentar estuprar essa jovem campeã em MMA. que deu a fórmula: enquanto os cidadãos e cidadãs não estiverem bem preparados pra enfrentar os criminosos...muitas Marielles vão tombar...Ou prepara ou morre. Vivemos uma Guerra Civil...ou não? Nós de um lado...e a bandidagem armada até os dentes do outro...tamos perdendo a Guerra faz tempo, as mais de 1 Milhão de pessoas assassinadas não deixam mentir, ou deixam?

Responder

5
3


mané - 26-05-2019 10:03:13

Falou como NUNCA e omitiu como SEMPRE !!!

Responder

1
2


mané - 26-05-2019 08:31:15

Quando o Bolsonaro ,com apenas 5 meses , convoca apoio dos eleitores ,é sinal de POPULISMO BARATO !!! O Jânio e o Cllor fizeram isto ,e o máximo que conseguiram foi uma sobrevida . O que conseguirá o Bozó? No meu entender ,uma sobrevida ,pois tendo respaldo ou não ,ficará claro o CONFRONTO com o Congresso ,e abrirá ainda mais o FOSSO entre ele e a maioria ,pois o seu governo está caindo pelas tabelas ,no ítem popularidade. O que acho de verdade ,é que ele quer ESCAMOTEAR as INVESTIGAÇÕES sobre a sua FAMILIA ,que vai mostrar o SEU envolvimento na CORRUPÇÃO, e possivelmente no ASSASSINATO da MARIELLE !!! Já acharam 37 IMÓVEIS de propriedade do Flávio Bolsonaro ,entre salas e apartamento . Isso sem falar no Queiróz que pagou 133.000,00 em DINHEIRO no Hospital Albert Einstein !!! Os que vão para as RUAS são pessoas da EXTREMA DIREITA que agora sabem que o BOZÓ é ladrão ,mas quem rouba é só o LULA !!! kkkkkkkk...corrupto de estimação ,é outra coisa ,pois não é !!! PS- e tem a FACADA -FAKE !!!

Responder

7
3


alexandre - 25-05-2019 20:42:06

No `Parlamentarismo, quem escolhe o 1 ministro,, são os politicos, em conchavos, não o povo, via eleição direta....parlamentarismo é golpe branco e desrespeito a vontade popular que votou no Presidente, querem o poder ? esperem 2002 e disputem a presidencia.. o parlamento não trabalha e reclama que o pais está paralisado por falta das votaçoes, nas reformas que o congresso não faz ?

Responder

6
3


Carlos Nunes - 25-05-2019 19:32:13

Só 5 meses de governo é muito pouco pra avaliar qualquer coisa...nem se o Bolsonaro fosse o Mandrake poderia dar jeito. Afinal de contas não tem passe de mágica pra fazer dinheiro aparecer, nem dinheiro dá em árvores ou cai do céu. Bolsonaro recebeu uma herança maldita...com rombo dentro de rombo, 14 Milhões de desempregados, mais de 30 Milhões jogados na marra no setor informal pra sobreviver. Passeata não significa nada...ou significa? Votei no Bolsonaro, mas não vou na passeata. Até o momento não tem nada pra comemorar, assim como não tem nada pra criticar. Acho que neste ano de 2019, não deviam mexer com Reforma da Previdência nenhuma...deviam fazer sim uma Reforma Tributária completa, pra arrecadar mais dinheiro. Uma nova Política Nacional de Incentivos Fiscais, que realmente gere mais empregos, foque em setores que tenham maior retorno mais rápido. Combate à Sonegação, cobrança dos grandes devedores. Enfim necessidade de convocar os melhores especialistas nessa área pra dar muitas ideias, sugestões práticas. Reestruturação urgente da Receita Federal, pra pegar os tubarões e não ficar nos lambaris. É essa Reforma Tributária que não pode ser uma Reforminha...tem que uma Reforma consistente que mude o Brasil. Como não vão fazer essa Reforma em 2019, pois nem dá mais tempo, pois ficaram perdendo tempo com a Reforma da Previdência...provavelmente 2019 será um ano perdido...perderam a oportunidade.

Responder

8
3


alexandre - 25-05-2019 19:22:15

Tem que ir pras ruas defender a democracia, tão falando em Parlamentarismo, com o Maia de 1 ministro e PSDB reinando com MBL, o Parlamentarismo foi REJEITADO EM PLESBICITO pelo povo brasileiro 3 vezes, já teve no Brasil e não deu certo, esperem para 2022. tem que mudar os politicos . não o sistema de governo, vamos defender as reformas , o congresso que dá golpe branco....no Bolsonaro.

Responder

6
6


9 comentários