Coronel que roubou placa de ambulância é afastado do Hospital Militar  | MUVUCA POPULAR

Terça-feira, 04 de Agosto de 2020

POLÍTICA Quarta-feira, 12 de Fevereiro de 2020, 18h:05 | - A | + A




Novo afastamento

Coronel que roubou placa de ambulância é afastado do Hospital Militar

Kleber Duarte possui 72 horas para designar um oficial para assumir seu cargo


redacaomuvuca@gmail.com

Kleber domingo.jpg

Foto: Reprodução

O presidente do Hospital Militar de Mato Grosso, coronel Kleber Duarte foi novamente afastado do cargo nesta terça-feira (11). Conforme o Tribunal de Justiça do Estado (TJ-MT), o pleito que o elegeu teria sido fraudado, tornando necessário que a Justiça apurasse possíveis irregularidades contidas na eleição.

Conforme a decisão expedida pela juíza Sinii Savana Bosse Saboia Ribeiro, da 10ª Vara Cível de Cuiabá, Klebler possui 72 horas para apresentar um representante para assumir sua vaga.

“Acolho em parte o parecer ministerial (Id. 28705716), assim oficie-se ao Comandante Geral da Polícia Militar do Estado de Mato Grosso, para, no prazo de 72 horas, designar um oficial da Polícia Militar que seja associado, para assumir transitoriamente a presidência da ABSMT/MT. Tal medida de poder de cautela se mostra necessária, já que a associação não pode ficar sem um representante no período em que se discute a legalidade/validade ou não da eleição realizada”, diz trecho do documento.

Presidência do Hospital

Apesar de ter sido preso no ano passado ao ser flagrado usando uma placa clonada em sua caminhonete, o coronel que ocupava há oito anos o cargo de diretor no Hospital Militar, foi eleito presidente em setembro de 2019, mesmo não obtendo a maioria dos votos. A chapa que recebeu a maioria dos votos foi impugnada pela comissão eleitoral. 

O caso

Kleber foi flagrado usando uma placa clonada em sua caminhonete em junho de 2018. Na época, o coronel alegou que a placa do seu carro havia caído no pátio do hospital e, por isso, resolveu substituir por uma das ambulâncias da unidade, que estaria em desuso há muito tempo.

Entretanto, a história não convenceu, pois no momento da abordagem, o policial militar fugiu e foi até o hospital para trocar as placas. No entanto, a fuga não adiantou e o coronel foi levado para a Central de Flagrantes.

PageFlips: Decisão - Kleber

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Vergonha - 13-02-2020 06:54:16

E a cadeia, nada???

Responder

1
1


Vergonha - 13-02-2020 06:53:48

E a cadeia, nada???

Responder

1
1


2 comentários

coluna popular
Bispo segue internado
Uso indiscriminado
Aumentou em 15% a arrecadação
Bombeiros atuam no combate
A partir de hoje

Últimas Notícias
04.08.2020 - 10:01
04.08.2020 - 09:38
04.08.2020 - 09:28
04.08.2020 - 09:26
04.08.2020 - 09:22




Informe Publicitário