Desocupação do garimpo deixa Aripuanã em situação de emergência | MUVUCA POPULAR

Quarta-feira, 08 de Abril de 2020

POLÍTICA Quarta-feira, 09 de Outubro de 2019, 17h:40 | - A | + A




Vulnerabilidade Social

Desocupação do garimpo deixa Aripuanã em situação de emergência

Cerca de 2 mil pessoas estão desabrigadas e passando fome no município


redacaomuvuca@gmail.com

A prefeitura de Aripuanã, localizada a 949 km de Cuiabá, decretou situação de emergência social, devido à alta quantidade de pessoas em situação de vulnerabilidade que ficaram desabrigadas com após a desocupação do garimpo na segunda-feira (7). A súmula foi publicada no Diário Oficial dos Municípios que circula nesta quarta-feira (9).

Na justificativa do decreto, o prefeito Jonas Canarinho (PR) afirma que por causa da desocupação cerca de duas mil pessoas estão desalojadas e, "em sua grande maioria, sem recursos financeiros para se alimentarem e retornarem às suas cidades de origem".

Ainda segundo o decreto, que tem validade de 180 dias, a prefeitura não tem condição de atender as necessidades básicas dessas pessoas "em virtude dessa situação crítica e anômala".

O garimpo na Serra do Expedido foi alvo de investigações da Polícia Federal, após um avião ser apreendido com 6 quilos de ouro. Na região, que é área pública, um grupo começou a procurar ouro e depois passou a cobrar pela entrada de novos garimpeiros na terra.

Com o decreto, o município fica autorizado a dispensar licitação para a contratação de serviços e aquisição de bens para amenizar a situação de emergência e abrigar as famílias despejadas.

Além das pessoas desabrigadas, o prefeito enfatiza no decreto o problema na segurança, pois "há inúmeras pessoas descontentes com o fechamento do garimpo, o que tem provocado manifestações de toda ordem pelas vias públicas (...) que poderão gerar motim, revolta e violência".

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Campanha “Vem Ser Mais Solidário”
Impacto do coronavírus
União contra o Covid-19
Governo concedeu feriado prolongado
Servidores 'encheram o saco' sobre consignados

Últimas Notícias
08.04.2020 - 08:06
07.04.2020 - 21:48
07.04.2020 - 21:15
07.04.2020 - 20:33
07.04.2020 - 19:45


Carlos Fávaro (PSD)

Coronel Rúbia (Patriota)

Elizeu Nascimento (DC)

Gisela Simona (Pros)

José Medeiros (Podemos)

Júlio Campos (DEM)

Nilson Leitão (PSDB)

Otaviano Piveta (PDT)

Procurador Mauro (PSOL)

Reinaldo Morais (PSC)

Valdir Barranco (PT)

(Nenhum deles)

Feliciano Azuaga



Informe Publicitário