“Há sério indicativo de que o parecer já estava pronto”, diz Selma sobre decisão da PGE | MUVUCA POPULAR

Domingo, 22 de Setembro de 2019

POLÍTICA Quarta-feira, 11 de Setembro de 2019, 08h:26 | - A | + A




Cassação

“Há sério indicativo de que o parecer já estava pronto”, diz Selma sobre decisão da PGE

Procuradora-Geral da República se manifestou pela cassação da senadora


redacaomuvuca@gmail.com

 

A senadora Selma Arruda (PSL) declarou que recebeu com estranheza a decisão da Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge, que se manifestou ontem (10) pela improcedência do recurso da ex-juíza e consequente manutenção de sua cassação e realização de nova eleição para o posto.

Conforme a parlamentar, os autos foram para o Ministério Público Federal ontem (10), e o parecer, com 75 laudas, foi assinado pela PGR na mesma data, ou seja, 10 de setembro.

“Há sério indicativo de que o parecer já se encontrava pronto, por encomenda, ou que a Procuradora Geral da República, Raquel Dodge, não tivesse mais nada a fazer, únicas hipóteses que justificariam tal concomitância”, afirmou.

Ainda conforme a senadora, a manifestação da Procuradoria Geral da República não se trata de um pedido de afastamento imediato do mandato.

“A PGR tão somente manifestou-se nos mesmos termos do que foi decido pelo TRE-MT, no sentido de que o acórdão, se mantido, deve ser executado após o julgamento no TSE, independentemente da interposição de outros recursos”, finalizou Selma.

Entretanto, Raquel Dodge também se manifestou contra o pedido de Carlos Fávaro (PSD), um dos autores da ação contra Selma, para assumir o cargo até a realização de nova eleição.

Além disso, a procuradora cobrou ainda rápido julgamento do pedido de Selma e realize novas eleições para a vaga deixada por Selma.

 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(5) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Zeca - 11-09-2019 16:07:57

A Juiza de Curitiba leu 250.000 Páginas em 14Hs , no Processo do Lula ,porque o espanto ???

Responder

3
1


Família tradicional - 11-09-2019 14:19:49

Como que redige 74 laudas em menos de 24 horas?? Estão sacaneando com a senadora mais votada da história

Responder

1
6


Xai - 11-09-2019 10:56:48

Engraçado, no Mato Grosso os processo corriam rapidinho e ela não estranhava, pelo contrário, elogiava a eficiência da parte acusatória. Vai entender né?

Responder

7
2


Carlos Nunes - 11-09-2019 08:50:12

Espero que o TSE reverta essa Cassação da Juíza, que teve quase 700 Mil Votos. Um cidadão ou cidadã só pode ser candidato a alguma coisa, depois que passa por uma Convenção Partidária e registra a candidatura num TRE. A Convenção do Partido da Juíza ocorreu em Agosto/2018 e o registro da Candidatura depois...entretanto no Processo da Cassação, começam a analisar fatos que ocorreram em Maio/2018 e outros meses anteriores até a Convenção. Ano que vem teremos eleição pra Prefeito de Cuiabá, com vários candidatos...as Convenções acontecerão no mês de Agosto/2020...seria a mesma coisa que começar a fuçar a vida dos candidatos, pra ver o que tão fazendo ou deixando de fazer, em Maio/2020 e meses anteriores. Ora, nesses meses essas pessoas não são candidatas A NADA, nadinha. Nem a Porteiro de Cemitério. Esse caso da Juíza deve ser o mais inusitado do Brasil...analisar fatos que acontecerão ou deixaram de acontecer ANTES da Convenção e do registro da Candidatura. Tomemos como hipótese o caso de uma possível candidata a Prefeita, honestíssima, GISELA SIMONA. A Convenção de seu partido acontecerá em Agosto/2020...que aconteceria se começassem a fuçar a vida dela no mês de Maio/2020, e outros meses até anteriores à Convenção...pra saber se movimentou conta bancária, ou fez empréstimo, etc. Ela tá proibida de fazer isso? Claro que não...Antes da Convenção, ela não é candidata a nada...é só uma cidadã comum. Já pensou se a moda pega...e o TRE começa a fuçar a vida de todos os prováveis candidatos, pra saber o que tão fazendo ou deixando de fazer? Totalmente ilegal, irregular. A não ser se essa regra servisse pro Brasil inteiro...pros mais de 5 Mil Municípios. Todos os prováveis candidatos terão sua vida fuçada...em período ANTES da Convenção e do registro da Candidatura.

Responder

2
11


Zeca - 11-09-2019 11:49:29

Tá com medo de perder a BÔCA né RÔBO !!!

Responder

6
2


5 comentários