Jornalista denuncia perseguição de secretária e cobrança de SUS por exame | MUVUCA POPULAR

Segunda-feira, 17 de Maio de 2021

POLÍTICA Quarta-feira, 21 de Abril de 2021, 18h:31 | - A | + A




Denúncia Exclusiva

Jornalista denuncia perseguição de secretária e cobrança de SUS por exame

Pai de Osmar Leandro vive descaso em hospital por ordens de gestora


redacaomuvuca@gmail.com

WhatsApp Image 2021-04-20 at 13.54.59.jpeg

Pai de Osmar Leandro / Foto: Reprodução

O jornalista Osmar Leandro denunciou, com exclusividade ao Muvuca Popular, a perseguição que tem sofrido pela secretária de Saúde de Glória D’oeste (308 km de Cuiabá), Rosalina Rodrigues da Silva, enquanto seu pai está internado em uma unidade do Sistema Único de Saúde (SUS) em tratamento de dois acidentes vascular cerebral (AVC). Segundo o profissional, seu pai foi maltratado no hospital por ordens da gestora.

Conforme o relato, a perseguição teve início após Osmar trazer à mídia um golpe cometido pela secretária há cerca de quatro anos atrás. Entretanto, a situação se agravou após o jornalista questionar o porquê de ter que pagar 50% de um exame de tomografia que, em tese, seria realizado pelo SUS. A gestora da Saúde se incomodou com o questionamento e negou ajudar o pai do profissional, que precisava realizar o procedimento mas não tinha condições financeiras para arcar com o custo de R$ 350 cobrado pela prefeitura.

Desesperado devido à situação que seu pai se encontrava, Osmar decidiu pedir ajuda à Secretaria Municipal de Assistência e Ação Social, porém, também por ordens de Rosalina, ele teve o pedido negado,

WhatsApp Image 2021-04-20 at 13.55.01.jpeg

Secretária de Saúde, Rosalina Rodrigues da Silva / Foto: Reprodução

sob a justificativa de que a Pasta não poderia auxiliar financeiramente em questões de Saúde. “Eu fui tratado muito pior do que um cachorro, eles me disseram que não ajudam ninguém desde que seja destinado à Saúde”, contou.

Sendo assim, o jornalista decidiu pedir ajuda aos seus leitores e seguidores, para que conseguisse pagar o valor cobrado pela tomografia — que, conforme uma funcionária da Saúde, é cobrado por ser realizado em parceria com um laboratório privado, já que o Hospital Regional está fechado. Enquanto gravava um vídeo com seu pai pedindo a colaboração, Osmar teve seu celular jogado no chão por uma enfermeira, que alegou que ele estava filmando outros pacientes da ala.

O jornalista negou a situação e tentou mostrar o vídeo para a profissional da Saúde, para confirmar que estava filmando somente seu pai para um pedido de ajuda. A enfermeira-chefe não acreditou e saiu do local chorando. Minutos depois, a própria secretária de Saúde apareceu na sala acompanhada de dois policiais. Ela exigiu a prisão de Osmar, dizendo que ele estava tumultuando a unidade hospitalar.

Osmar foi levado para uma delegacia de Porto Esperidião (328 km de Cuiabá) em uma viatura, em decorrência da acusação feita por Rosalina. Embora a secretária tenha tentado influenciar os policiais a prendê-lo, ele foi liberado pela falta de evidências de que estava gerando confusão. Mesmo assim, a gestora registrou um boletim de ocorrência (BO) acusando o jornalista de filmar indevidamente outros pacientes do hospital.

WhatsApp Image 2021-04-20 at 13.55.03.jpeg

Foto: Reprodução

Após toda a confusão, Osmar voltou ao hospital e encontrou seu pai em estado lastimável. O idoso é portador de deficiência mental, por causa dos AVCs que sofreu, desta forma, ele precisa estar sempre acompanhado ou, no mínimo, ser constantemente checado pelas enfermeiras, algo que o filho afirma não ter acontecido. “Ele estava abandonado. Todo urinado, com a cama toda molhada. Sozinho. Em um canto, como se fosse um cão”.

Posteriormente, o pai de Osmar acabou sendo levado para realizar o exame gratuitamente, no entanto, proibiram que ele fosse acompanhado pelo filho e, ao chegar no local, disseram que a máquina estava quebrada e que não havia sido possível efetuar a tomografia. Ao voltar, o idoso estava em péssimas condições, todo urinado novamente por não ter tido nenhum apoio durante as horas que tentou realizar o procedimento.

Atualmente, o idoso está internado em Pontes e Lacerda (443 km de Cuiabá) após ter sido transferido. Como não pode ter acompanhante, a família está sem notícias desde sábado (18). A mãe de Osmar procurou Rosalina para que pudesse saber alguma coisa a respeito de seu marido, mas também acabou sendo maltratado e não recebeu nenhuma informação sobre o estado de saúde de seu esposo. O jornalista garante que irá à Promotoria de Justiça para denunciar a prefeitura e, principalmente, a secretária.

Confira o áudio em que a servidora pública explica sobre o pagamento do exame:

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(4) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

José Almeida - 23-04-2021 05:00:16

O Golpe do Leandro tá aí Cai quem qué... Me desculpe sou o vizinho do Leandro o qual ele me deve a muito tempo e não tem o Costume de pagar quem ele deve é só vocês darem uma volta na cidade e descobriram quem é Leandro na verdade. É Conhecido no nosso meio como Morcego o Sangue Suga. Prestem bem Atenção para ver se vale a pena perder tempo com uma traste desse. Ta aí Falei... E aproveita e vê se fala para esse caloteiro pagar quem ele deve, aqui na cidade. E da dó de ver realmente como esse rapaz trata o pai dele aqui na cidade aqui a boca pequena todos sabem o que ele faz todo mês com os cartões de aposentadoria do pai...Es um Safado isso sim.

Responder

4
1


J A Silva - 22-04-2021 07:59:51

A intenção desse povo, todas as prefeituras ou quase, são de desviar, roubar e dilapidar o erário. E isso com ordem dos chefes-mor, pois se quiserem continuar no carguinho tem que cumprir as ordens, mesmo que ilegais! E isso depois da vergonhosa e imoral decisão do vergonhoso STF, que deu todo apoio a esses criminosos, que se dizem políticos! Essa cafajestice ocorre em quae todo o BRASIL. Justiça? São os piores cafajestes!

Responder

4
10


Jõao de Barros - 22-04-2021 09:14:39

Caro Jornalista creio que deva respeitar o presente CÓDIGO DE ÉTICA: dos verdadeiros jornalistas O Código de Ética dos Jornalistas que fixa as normas a que deverá subordinar-se a atuação do profissional nas suas relações com a comunidade, com as fontes de informação e entre jornalistas. Do Direito à informação, veja o que diz no Artigo 14 O jornalista Deve: – OUVIR sempre, ANTES da DIVULGAÇÃO dos fatos, TODAS AS PESSOAS objeto de acusações não comprovadas, feitas por terceiros e não suficientemente demostradas ou verificadas; – Tratar com respeito todas as pessoas mencionadas nas informações que divulgar. Ouvir AMBAS as Partes evita-se Processos Futuros. Eu Creio que este Site presa pela Verdade de Ambas as Partes Envolvidas, Transparência e Jamais se Posicionara ou Tendenciada PARA ALGUM OUTRO LADO.

Responder

13
3


Beto - 22-04-2021 23:41:43

Esse Indivíduo Leandro metido a Jornalista na região sendo que nem formação ele tem, essa mesma pessoa que fez a Denúncia já saiu apanhado e corrido de Porto Esperidião, pois foi acusado de Chantagear os Vereadores lá da Câmara e teve que sair de lá de Porto Esperidião Corrido pois levou uma surra la na cidade, agora quanto ao pai dele é um senhor já de idade avançada e muito doente que teve um AVC de tamanho o desgosto com o filho pois o mesmo usava e usa os seus cartões de crédito e de aposentadoria confirmada pela própria irmã e vive gastando com festas e cervejas na cidade, vizinhos desse rapaz confirmam que ele maltrata o pai e a mãe, e ele é muito Ingrato com o próximo sendo que foi o próprio tio da Secretaria de Saúde que providenciou todos os Papéis e trâmites para poder aposentar aqui o senhor aqui citado na matéria, lembrando que ele levou o pai para ser atendido e logo os profissionais da saúde procuraram fazer o teste do Covid, onde o filho reclamou em dizer que o Pai Jamais teria Covid pois não saia de casa, porém a sua outra irmã ficou comprovado que ela estava com Covid e passou para o Pai e acabou dando positivo, depois de 3 dias já internado a Médica Dra. Janaína solicitou uma Tomografia a qual foi regulado para Pontes Lacerda, porque não tinha vaga em Gloria e nem Cáceres. Porém ele foi informado que em Lacerda não poderia ter visitas e Acompanhante. E o Leandro vive de Ameaçar a Todos no Município.

Responder

3
0


4 comentários

coluna popular
Eleições 2022
‘Fim da paz’
Pedem dinheiro em seu nome
Até as últimas consequências
Aplausos a assassinatos

Últimas Notícias
17.05.2021 - 17:33
17.05.2021 - 17:21
17.05.2021 - 16:43
17.05.2021 - 16:25
17.05.2021 - 15:19




Informe Publicitário