Líderes montam chapão ao Senado para derrotar Bolsonaro e Lula em MT | MUVUCA POPULAR

Terça-feira, 18 de Fevereiro de 2020

POLÍTICA Quinta-feira, 13 de Fevereiro de 2020, 04h:20 | - A | + A




Nomes de peso

Líderes montam chapão ao Senado para derrotar Bolsonaro e Lula em MT

Partidos encomendam pesquisa para escolher entre Júlio, Piveta, Bezerra, Leitão, Geller, Fávaro, Buzetti e Neurilan


redacaomuvuca@gmail.com

 Foto: reprodução 

Os partidos MDB, PL, PSDB, PP, PSD, PP, DEM e PDT estão prestes a chegar num acordo em torno de um nome para a disputa à eleição suplementar ao Senado em Mato Grosso. A ideia é fechar uma chapa com os principais líderes para derrotar as duas correntes que vem forte pela frente, uma com o apoio de Bolsonaro e a outra com o campo progressista.

Para isso, partidos alinhados concordaram em realizar uma pesquisa quantitativa e qualitativa, que será fechada na próxima semana, por um instituto de São Paulo, e daí tirarão a composição do cabeça de chapa e os dois suplentes que concorrerão à eleição suplementar a ser realizada em 26 de abril no estado.

A informação foi confirmada pelo deputado federal Carlos Bezerra (MDB) ao . O emedebista enfatizou que os nomes melhor avaliados comporão a chapa, enquanto os outros concordarão em dar total apoio. Embora o cacique não tenha revelado, MPopular apurou que a onsolidação dessa estratégia passa por outros acordos em torno das eleições municipais de outubro.

Os nomes avaliados na pesquisa são o do presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), Neurilan Fraga (PL), o ex-deputado federal Nilson Leitão (PSDB), o deputado federal Neri Geller (PP), o ex-vice-governador, Carlos Fávaro (PSD), a empresária Margareth Buzetti (PP), o ex-senador Júlio Campos (DEM), o vice-governador de Mato Grosso, Otaviano Pivetta (PDT) e o deputado federal Carlos Bezerra (MDB).

Com a aproximação do pleito, os partidos, que antes afirmavam que cada um lançaria seu candidato, estão afunilando em prol de um confronto pesado que terá forte infuência de duas fortes correntes nacionais: o lulismo e o bolsonarismo. O candidato deste grupo não jogará no radicalismo em que se encontra a extrema direita e extrema esquerda no Brasil.

Os partidos têm até 17 de março, 40 dias da eleição, para apresentar requerimento no TRE-MT com pedido de registro de candidatura. No dia seguinte (18 de março) já começa o horário eleitoral.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(10) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Sergio - 13-02-2020 13:50:11

Vão perder tempo e dinheiro. Nem Bolsonaro nem Lula são candidatos em MT, nem declararam apoio à ninguém até o momento

Responder

2
1


Mário Sérgio - 13-02-2020 12:05:04

Todos mostraram que são fracos , não adianta se juntarem que não vão conseguir transferir voto de um para o outro; isso só fortalece mais o deputado federal José Medeiros que caminha a passos largos para o senado, com apoio do presidente Bolsonaro, coisa que nem um outro candidato conseguiu, nem aproximação com o presidente!!!

Responder

1
1


Joana Maria - 13-02-2020 09:06:24

Grande governo do meu querido Bolsonaro, não podemos dizer a mesma coisa dos deputados que não querem fazer nada além de ficar derrubando uns aos outros

Responder

3
6


Joseane - 13-02-2020 08:55:47

Que palhaçada é essa? olha a preocupação dessas pessoas? onde a gente fica nisso?

Responder

3
2


Luiz - 13-02-2020 08:48:21

Precisam medir a rejeição destes nomes!

Responder

3
1


Djalma - 13-02-2020 08:47:41

Não irei votar em nenhum desses

Responder

5
2


alexandre - 13-02-2020 08:34:33

Pode chamar o bota fora, ´só candidato ruim..

Responder

6
2


Carlos Nunes - 13-02-2020 08:23:08

O melhor candidato ao Senado desistiu...era o JURUBEBA - Pobre, Palhaço e Anão. Faz tempo tão fazendo o povo brasileiro de Palhaço, então, nada melhor do que colocarmos um Palhaço legítimo no Senado...ele ia fazer rir, e nós íamos rir juntos, uai. Tio JURUBEBA é Pobre, então, é o que mais entende de Pobreza, ia ajudar muito. Por ser Anão, tio JURUBEBA deve ter sofrido muito bullying, entende muito de preconceito. Pra ser Senador não precisava prometer nada, só tinha que jurar que seria HONESTO. O Brasil é o melhor país do mundo, tem as maiores riquezas...só falta a tal da Honestidade. Enquanto não houver isso...podem rapar o bolso do povo como inúmeros impostos, juntar caminhões de dinheiro, que nunca dará certo. Sempre uma turma de maus brasileiros vai encher os bolsos, as bolsas, as pastas, com pacotes de dinheiro. Tio JURUBEBA não teria apoio do governador, nem do prefeito, nem dos caciques políticos, nem do agronegócio, nem das lideranças sindicais...por isso seria o melhor candidato, não teria o rabo preso com essa turma toda, compromisso zero com eles.

Responder

5
5


Adalberto - 13-02-2020 07:58:48

Para senador é José Medeiros!!!!

Responder

5
13


claudinei - 13-02-2020 06:52:50

O agronegócio é mais forte que Lula e Bolsonaro juntos. É a mola do Brasil!!!

Responder

6
14


10 comentários

coluna popular
Eleição suplementar
Hora de organizar a documentação
Galvan foi ‘excluído’
Votação não será em regime de urgência
Não quer dinheiro público em campanha

Últimas Notícias
18.02.2020 - 11:54
18.02.2020 - 11:27
18.02.2020 - 11:21
18.02.2020 - 10:57
18.02.2020 - 10:51




Informe Publicitário