Maluf diz que Riva não deixou qualquer documento para Mesa Diretora  | MUVUCA POPULAR

Quinta-feira, 01 de Outubro de 2020

POLÍTICA Quinta-feira, 06 de Agosto de 2020, 09h:23 | - A | + A




"Limpou" documentos

Maluf diz que Riva não deixou qualquer documento para Mesa Diretora

Presidente do TCE se manifestou depois que vídeos contendo trechos da delação de Riva foram divulgados


redacaomuvuca@gmail.com

 

O ex-deputado estadual, Guilherme Maluf, que presidiu a Assembleia Legislativa a partir de 2015, afirma que a gestão de José Riva, anterior à sua, não deixou qualquer documento ‘nos meios físicos e/ou digitais’ para a Mesa Diretora da época. Maluf se manifestou depois que vídeos contendo trechos da delação de José Riva foram divulgados. Em alguns deles, o ex -presidente da AL entre 2013 e 2014 acusa Maluf, atual presidente do TCE/MT, de destruir documentos que comprovariam desvios de dinheiro público do Poder Legislativo.

Diante da inexistência de documentos em 2015, Maluf decidiu suspender por 60 dias ‘a quitação de restos a pagar, com as exceções contempladas no parágrafo a seguir’.

“Somente serão quitados os restos a pagar efetivamente liquidados, com a regularidade exigida, que demandem o cumprimento agendado, principalmente os pertinentes às atividades de manutenção do Poder Legislativo, pessoal, encargos sociais, sentenças judiciais e outras inadiáveis, sob autorização específica da Mesa Diretora”, diz trecho.

Durante o seu depoimento ao Ministério Público de Mato Grosso, o ex-deputado afirma que todos os documentos em relação aos demais deputados, sobre as chamadas verbas de suprimento e indenizatória, que foram utilizadas irregularmente dentro do Parlamento, foram destruídos.

“Tem uma operação chamada Deja Vú que investiga isso. Mas esses documentos foram destruídos, foram retirados da Assembleia Legislativa, na mesa do deputado Guilherme Maluf como presidente, e foram destruídos para que outros deputados e inclusive eles mesmos não fossem atingidos por essa operação”, diz trecho do vídeo.

Riva ainda afirma que os recursos das verbas de suprimento e indenizatória também eram desviadas para outras finalidades nos gabinetes dos 24 deputados. “Esse fato não ocorria apenas no meu gabinete. Na mesma proporção na primeira secretaria e em proporção menor nos gabinetes dos senhores deputados que recebiam também o suplemento de fundo e, por força de uma lei também passaram a receber a verba indenizatória, que essa, sim, na verdade, era mais utilizada como um complemento salarial do que propriamente uma despesa que era realizada e precisava ser ressarcida”, diz o ex-deputado.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Saúde em 1º lugar
Corona nas eleições
Distribuição de absorventes 
Lucas do Rio Verde
Atingidos pelo fogo

Últimas Notícias
01.10.2020 - 16:12
01.10.2020 - 15:05
01.10.2020 - 14:15
01.10.2020 - 14:07
01.10.2020 - 14:03


Muvuca (PL)

Adevair Cabral (PTB)

Chico 2000 (PL)

Misael Galvão (PTB)

Ricardo Lobo (PL)

Aladir (PL)

Sargento Joelson (SD)

Juca do Guaraná (MDB)

Luluca Ribeiro (MDB)

Macrean

Ralf Leite (MDB)

Renivaldo Nascimento

Toninho de Souza

Edna Sampaio (PT)

Robson Cireia (PT)

Ricardo Saad

Oseas Machado (MDB)

Rogério Varanda

Alex Ribeiro (PP)

Maurélio (PSDB)

Dudu Santos

Marcelo Bussiki

Vinícyus Clovito

Diego Guimarães

Mário Nadaf

Marcos Veloso

Gisele Almeida

Orival do Farmácia

Wilson Kero-Kero

Dr. Xavier

Justino Malheiros

Zidiel Coutinho

Sargento Vidal

Dídimo Vovô

Clebinho Borges

Júlio da Power

Jamilson Moura

Emídio de Souza (PSL)

Adalberto Cavalcanti

Ricardinho

Kako do CPA

Dilemário Alencar

Max Campos (PSB)

Cezinha Nascimento

Edienes Hadassa

Dr Luiz Fernando

PF Rafael Ranalli

Gabriel Henrique

Itamar Jefferson (PL)

Cristiano Paraqueda

Sebastião Moraes

Daniel

Justino Campos

Rafael "Faré"

Darley Gonçalves

Osmar Rodrigues "Chefinho"

Elenir Pereira

Prof.instrutor Joaquim Neto

Diogo Fernandes

Ade Silva

Sargento Ozeni

Dito Paulo

Paulo Macedo

Luiz BA

Professor Frankes

Paulo da VGDI

Valdemir MM

Weto Salgado

Dr. Daúde

Bob Medina

Wagner Vinícius

Luis Carlos

Carlos Henrique do Correio

Adv Cris

Elenir Pereira

Zé Carlos

Luis Cláudio

Huelton Souza

Rosenil Luiz (Canelinha de pacu) (PL)

Sargento Ozeni

Luiz Poção (PL)

Edilson Odilon (PL)

Paulinho CPA

Germânio Araújo

Chico do Leblon

Delegado Garcia

Renato Anselmo

Cleber Adôrno

Doidinhoducorte

Neno do Pascoal Ramos

Prof. Jorginho



Informe Publicitário