Mendes cede delegado para investigar pessoas com foro privilegiado  | MUVUCA POPULAR

Sábado, 14 de Dezembro de 2019

POLÍTICA Segunda-feira, 15 de Abril de 2019, 12h:02 | - A | + A




NACO

Mendes cede delegado para investigar pessoas com foro privilegiado

Acordo foi feito com o Ministério Público e anunciado na manhã desta segunda-feira (15)

O governador Mauro Mendes (DEM) anunciou que irá ceder o delegado do Estado, Carlos Américo, para atuar no Núcleo de Ações de Competência Originárias (Naco) Criminal, afim de investigar desvios de conduta de autoridades com prerrogativa de foro privilegiado. O acordo do gestor foi feito com Ministério Público e anunciado na manhã desta segunda-feira (15).

“Vamos ceder esse delegado para atuar no Naco e ele irá trabalhar nas ações de eventuais desvios de conduta ética daqueles que tem foro privilegiado em Mato Grosso”, disse Mendes.

O democrata explicou que é necessária a celeridade em todos os processos, denúncias que envolvam políticos com foro. Além disso, ele destacou que a proposta mostra que o Governo por meio dos seus secretários não tem o que esconder e o executivo preza pela total transparência.

“Isso é uma demonstração de que queremos que os recursos públicos sejam aplicados corretamente, com transparência e com respeito aos princípios da legalidade e moralidade. Ao colocarmos uma estrutura maior para investigar, é porque nenhum de nós teme as investigações. É uma medida preventiva e corretiva se identificada qualquer autoridade em Mato Grosso que esteja praticando desvio de conduta ética e moral”, disse.

O procurador geral de Justiça, José Antônio Borges, lembrou que o foro privilegiado tem prazo certo para terminar, termina com o mandato eletivo de quem está no cargo, por isso, destaca que a intenção é começar e terminar as investigações em tempo hábil. “Nós não queremos que os processos simplesmente passeiem lá pelo Naco por três, quatro anos e depois tenham que ser redistribuídos pra as varas comuns”, acrescentou.  

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(8) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

jose a silva - 15-04-2019 17:25:27

REALMENTE é como se houve, escuta, investigam, mas não prendem, pois se recorre em recursos e mais recursos! Ou será que não está se tirando de um lugar, desvio para desguarnecer um lugar em que não se quer que investigue? É ISSO?

Responder

0
0


Jack - 15-04-2019 15:15:56

Com prisão em segunda instância? Governador?, senão é o mesmo que nada parem de fazer serviço meia boca o certo é acabar com esse foro

Responder

1
0


Fulvio - 15-04-2019 15:14:44

Com a Nova justiça Governador Mauro Mendes os privilegiados não precisa de Foro, é só pedir desculpas

Responder

1
0


Saulo - 15-04-2019 15:13:43

Bolsonaro não iria acabar com esse foro?

Responder

1
0


Romulo - 15-04-2019 15:12:23

Investigar é uma coisa, prender é outra. Estão prendendo??

Responder

1
0


Liane - 15-04-2019 15:11:32

Tinha que ser em todo o Brasil não só em MT mas acho que como sempre isso não vai dar em nada

Responder

1
0


ZECA - 15-04-2019 15:09:40

SERÁ QUE DESSA VEZ VAI??

Responder

2
0


Lira - 15-04-2019 15:08:55

queiroz, bolsonaros, aecio, serra, geraldo, temer, juca esse também? Mauro também tem?

Responder

1
0


8 comentários

coluna popular
Blairo Maggi e Silval Barbosa
121 instituições foram contempladas
Parte será destinado à creche Irmã Hylda
Apostou a favor de Selma
Um mês e meio de férias

Últimas Notícias
14.12.2019 - 19:01
14.12.2019 - 15:56
14.12.2019 - 12:28
14.12.2019 - 11:56
14.12.2019 - 10:40




Informe Publicitário