Músicos apresentam mudanças na Lei do Silêncio à Câmara de Cuiabá | MUVUCA POPULAR

Sábado, 22 de Fevereiro de 2020

POLÍTICA Quarta-feira, 22 de Janeiro de 2020, 11h:39 | - A | + A




Regulamentação

Músicos apresentam mudanças na Lei do Silêncio à Câmara de Cuiabá

Classe realiza hoje (22) a confecção de um parecer para ser entregue à Casa de Leis


redacaomuvuca@gmail.com

WhatsApp Image 2020-01-22 at 09.45.36.jpeg

 

Após reuniões com a classe de músicos e vereadores do município, a Câmara de Cuiabá pretende regulamentar a Lei do Silêncio. Os profissionais irão confeccionar nesta quarta-feira (22), às 18h, no Palácio da Instrução, uma minuta de regulamentação para ser entregue no parlamento.

De acordo com Johnny Everson, representante da Ordem dos Músicos do Brasil (OMB) no estado, o objetivo é discutir as propostas que serão encaminhadas ao parlamento. O músico ressalta ainda que a classe busca um diálogo com o Poder Público e com a população.

“A reunião de hoje tem a intenção de democratizar, de trazer as partes interessadas, principalmente os músicos, para que deem suas opiniões. A gente quer encontrar um equilibro. Nós precisamos regulamentar a Lei do Silêncio, não é o caso de criar uma outra lei”, afirmou ao Muvuca Popular.

“A gente quer trabalhar com o nosso conhecimento de músicos profissionais que atuam na noite, mas com a certeza de que nada pode ser feito sem a participação dos maiores interessados, que são os integrantes da sociedade em todas as suas esferas”, acrescentou o representante da OMB.

Além dos profissionais da classe musical, a presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes em Mato Grosso, Lorena Bezerra, também confirmou presença na elaboração da minuta.

Para discutir o tema, o presidente da Câmara de Cuiabá, Misael Galvão (PTB), informou que irá promover uma Audiência Pública para que a alteração seja discutida com a sociedade. Entre as propostas estão a fiscalização na medição de decibéis, esclarecer os estabelecimentos da necessidade de um tratamento acústico quandor for emitido o alvará e a elaboração de cartilhas sobre o assunto.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

pablo - 22-01-2020 11:49:06

profissionais que geram renda, emprego e de quebram trazem muita alegria a vida da população boa sorte a população está com vcs

Responder

3
2


alex r - 22-01-2020 14:19:31

Respeito e muito essa classe , são artistas ! Mas não tem como descansar com barulho alto... Como resolver? PQ o cidadão quer dormir descansar e o músico e o dono do estabelecimento querem trabalhar ... Situação difícil... Boa sorte!

Responder

3
1


2 comentários

coluna popular
Mobilização em Cuiabá
Veja trecho da decisão
Sintonia com a Casa de Leis
Biometria é obrigatória por lei
Juíza saiu em defesa do Presidente

Últimas Notícias
22.02.2020 - 16:04
22.02.2020 - 15:22
22.02.2020 - 11:52
22.02.2020 - 10:02
22.02.2020 - 09:33




Informe Publicitário