Nilson Leitão desiste de ação indenizatória contra Selma Arruda | MUVUCA POPULAR

Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019

POLÍTICA Sexta-feira, 23 de Agosto de 2019, 17h:43 | - A | + A




Danos Morais

Nilson Leitão desiste de ação indenizatória contra Selma Arruda

Ex-deputado pediu arquivamento do processo em que requisitava indenização de 40 salários mínimos


redacaomuvuca@gmail.com

O ex-deputado federal e ex-candidato a senador, Nilson Leitão (PSDB), desistiu do processo que havia ingressado contra a senadora eleita Selma Arruda (PSL). Na ação, o tucano requisitava indenização de 40 salários mínimos, sob a alegação de que a parlamentar, durante uma live no Facebook, ofendeu sua honra e imagem comentando casos inverídicos.

O juiz da Primeira Vara Cível de Sinop (479 km de Cuiabá), Walter Tomaz da Costa, atendeu ao pedido de Leitão e arquivou o processo, no entanto, o ex-deputado terá que arcar com os custos e despesas processuais da ação.

“Isto posto, homologo a desistência da ação, em atendimento às disposições do art. 200, parágrafo único, do Código de Processo Civil. Por conseguinte, julgo extinto o pedido, com fundamento no art. 485, inciso VIII, do mesmo Codex”, diz trecho da decisão.

Segundo o magistrado, a senadora Selma já foi informada sobre a suspensão do processo e aceitou o encerramento do caso tranquilamente.

Conflito

O processo de Leitão foi instaurado após Selma acusa-lo de ter sido um dos beneficiados nos desvios realizados na Secretaria de Estado de Educação (Seduc), ação investigada na operação Rêmora. As alegações da juíza foram baseadas nas delações dos réus Alan Malouf e Permínio Pinto.

A divergência entre os adversários se tornou pública depois do rompimento de coligação entre Selma e o grupo Segue em Frente Mato Grosso, que tinha Pedro Taques (PSDB) como líder.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários