Prefeito é denunciado por comprar terrenos avaliados em R$ 6 milhões | MUVUCA POPULAR

Domingo, 25 de Agosto de 2019

POLÍTICA Quinta-feira, 15 de Agosto de 2019, 17h:57 | - A | + A




Valor Exorbitante

Prefeito é denunciado por comprar terrenos avaliados em R$ 6 milhões

Vereadores de Rondonópolis entraram com ação no Ministério Público contra Zé do Pátio (SD)


redacaomuvuca@gmail.com

Prefeito Zé Carlos do Pátio (SD) / Foto: Marcus Mesquita

O prefeito de Rondonópolis, Zé Carlos do Pátio (SD), foi denunciado pelos vereadores do município por agir de forma “ilegal e arbitrária” ao aprovar a Lei 316, que permite a compra de duas áreas de terreno no valor de R$ 6 milhões. Segundo parlamentares que realizaram a denúncia ao Ministério Público do Estado (MPE), o gestor deve realizar um gasto totalmente desnecessário, pois já há uma Lei, aprovada em 2017, que autoriza a compra de uma área no valor de R$ 1,65 milhão.

A Lei nº 316, de 29 de julho de 2019, sancionada pelo chefe do Executivo Municipal na última quarta-feira (7), concede autorização à Prefeitura para adquirir as duas áreas de R$ 6 milhões na região da Vila Paulista, onde uma possui 35 hectares e a outra cerca de nove hectares.

Os terrenos devem ser divididos em 1,5 mil lotes para o “Minha Casa, Minha Vida”, projeto que atende famílias de baixa renda cadastradas na Secretaria Municipal de Habitação e Turismo.

Os responsáveis pela denúncia foram os vereadores do PSDB, Rodrigo da Zaeli e Jailton Dantas, juntamente com o subtenente Guinâncio. Conforme a ação protocolada no MPE, além das áreas serem valor exorbitante, também são consideradas distantes e de péssima infraestrutura.

De acordo com os relatos, a região é afastada do perímetro urbano e não conta com rede de esgoto, creches, postos de saúde, escola, posto policial. O parlamentar Zaeli também ressaltou que a área é inapropriada e que o prefeito sequer pensou no impacto social ou na mobilidade urbana do local.

“Temos enorme dificuldade de transporte coletivo no município e, ao que parece, caso seja concluído esse projeto, teremos mais uma situação delicada e sem infraestrutura mínima, uma verdadeira irresponsabilidade do gestor municipal”, frisou.

Ademais, Rodrigo informou que a outra lei, de 28 de julho de 2017, também autorizava a Prefeitura a comprar uma área de 26 hectares, conhecida como “Sítio Boa Esperança”, pelo valor de R$ 1,650 milhão. No entanto, o gestor da cidade preferiu sancionar outra legislação para realizar uma compra mais cara.

Outro Lado

A Redação do Muvuca Popular tentou entrar em contato com o prefeito do município, mas não obteve resposta até o fechamento desta matéria.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(6) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Pezão - 16-08-2019 08:57:28

Vereadores??? Rondonópolis?? SEI, NEM SABIA QUE LÁ TINHA VEREADORES, NUNCA VI UM

Responder

0
0


Chico RO - 16-08-2019 08:56:03

Confio nesse homem tenho certeza que ele o Zé, incomoda muita gente não vão conseguir provar nada

Responder

0
0


Fabiana - 16-08-2019 08:54:29

Logo quem, o Zé do Pátio? não creio nisso

Responder

0
0


Rafael - 16-08-2019 08:53:32

Isto e porque,se diz correto e muito honesto esses caras da política

Responder

0
0


Tatiane - 16-08-2019 08:35:41

Que essa não termine em pizza.

Responder

0
0


Alcione - 16-08-2019 08:35:24

Ai o pobre grila e vão lá tirar

Responder

0
0


6 comentários