Presidente culpa ONGs por desmatamento, mas 60% dos focos de calor são em áreas privadas   | MUVUCA POPULAR

Domingo, 15 de Setembro de 2019

POLÍTICA Quinta-feira, 22 de Agosto de 2019, 18h:57 | - A | + A




Queimadas agrícolas

Presidente culpa ONGs por desmatamento, mas 60% dos focos de calor são em áreas privadas

Bolsonaro diz que queimadas são estratégias para "chamar atenção" contra seu governo


redacaomuvuca@gmail.com

O presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), afirmou nesta quarta-feira (21), que organizações não governamentais (ONGs) poderiam estar por trás de queimadas na região amazônica para “chamar atenção” contra o seu governo.

Em Mato Grosso, conforme os dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), cerca de 60% dos focos de calor estão em áreas privadas contradizendo a afirmação de Bolsonaro. As queimada agrícolas ainda são muito utilizadas por fazendeiros para limpeza e preparo do solo antes do plantio. 

Em sua entrevista, o presidente não foi capaz de citar os nomes das ONGs que seriam responsáveis e, quando questionado sobre o embasamento das alegações, relatou que não havia registros escritos sobre as suspeitas.  

A pesquisa que foi realizada entre janeiro e agosto de 2019 mostra o Estado já acumula mais de 13 mil focos nesse período, representando 87% a mais do que no mesmo período do ano passado e 205% a mais se considerarmos apenas o período de proibição de queimadas, iniciado em 15 de julho.

Os municípios com os maiores números de focos estão no Noroeste de Mato Grosso, seguindo a mesma tendência de dados do desmatamento ilegal. Colniza é o campeão disparado, com 1.076 focos acumulados, sendo 1.049 registrados desde o início do período proibitivo em 15 de julho. Aripuanã vem com quase metade das ocorrências de Colniza. Por fim, Paranatinga que acumula o maior número de focos de calor.

As queimadas ocorrem principalmente nas propriedades particulares. Desde janeiro, 60% dos focos de calor foram em áreas privadas registradas no Cadastro Ambiental Rural, 16% em Terras Indígenas e 1% em Unidades de Conservação.

Veja o mapa com as imagens via satélite dos focos de calor em  Mato Grosso:

Grafico_municipios.png

 

 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(5) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

alexandre - 22-08-2019 21:51:14

Centenas de bombeiros foram mobilizados para controlar incêndios florestais no sul da França, neste sábado (29), à medida que uma onda de calor provoca temperaturas recordes em certas partes da Europa. Ao menos seis pessoas morreram. No departamento francês de Gard, a mais atingida, foi marcada a maior temperatura já registrada na França, de 45,9°C. Lá, diferentes focos de incêndio florestal foram registrados em cerca 550 hectares de terra. Casas e veículos ficaram completamente destruídos.

Responder

0
5


Grillo Falante - 22-08-2019 20:11:31

Cri..cri...cri...adeus acordo com a União Europeia !!! O Macron, Pres. da França acaba de CHUTAR O BALDE , via Tuwiter !!! O Blairo vai tomar .....cri...cri...cri...ansiolítico como o Dallagnol . Dificil de plantar ,duro prá colher ,mais ainda comercializar , mas com o Bozó ,mais fácil FRACASSAR e QUEBRAR !!! PÔ !!!

Responder

6
1


Grillo Falante - 22-08-2019 20:03:45

Cri...cri...cri...o Presidente da França disse a pouco que a destruição da Amazônia deve ser assunto do G-7 . Ei Bozó ,pelo jeito você vai ser o carvão na próxima reunião . Ei APROSOJA se tá ruim ,só vai piorar com este louco no comando. PÔ !!!

Responder

6
1


Bolão - 22-08-2019 19:18:45

A maioria são fazendeiros queimando suas propriedades! Queimadas, assim como desmatamento, garimpo dentre outros crimes ambientais deveriam ser punidos com prisão perpétua e tomada da propriedade pelo governo para programas de recuperação ambiental!

Responder

7
1


Olavo - 22-08-2019 22:43:02

É vdd.... Da o golpe então, ou faz a revolução bolivariana, seu comunista...

Responder

0
2


5 comentários