Professores da Unic incentivam alunos a comprar TCC  | MUVUCA POPULAR

Quarta-feira, 01 de Abril de 2020

POLÍTICA Terça-feira, 18 de Fevereiro de 2020, 18h:54 | - A | + A




Irregularidade

Professores da Unic incentivam alunos a comprar TCC

Discentes pagam até mil reais pelo trabalho de conclusão de curso


redacaomuvuca@gmail.com

 Foto: reprodução 

A redação do emanuelzinho recebeu a denúncia de que professores da Universidade de Cuiabá (UNIC), do curso de administração, da unidade do bairro Jardim Europa em Cuiabá, estariam encaminhando os alunos para comprar o trabalho de conclusão de curso.

Conforme relato de uma fonte, que preferiu não se identificar, o seu orientador sugeriu, após ter o trabalho reprovado, entrar em contato com Janaína Souza, que a docente poderia resolver o seu “problema”.

“Sou estudante de administração e trabalho muito para conseguir pagar as minhas mensalidades. Começou agora a parte de monografia e infelizmente não consigo de forma alguma fazer com que o meu orientador consiga me aprovar, após várias tentativas a minha orientadora resolveu me "ajudar" me passando o contato de Janaina Souza, que poderia resolver o meu problema. Logo depois de entrar em contato, ela me cobrou para fazer o trabalho o valor de 1.000,00 e sem o menor pudor me disse que vários professores da UNIC passam o contato dela porque não querem ter problemas e também para ganhar um por "fora”, relatou ao emanuelzinho.

Entretanto, em entrevista ao site, Janaína, que tem formação em Coaching Academic há 17 anos, disse que não cobra para fazer os trabalhos, mas sim para coorientar os alunos, sendo que auxiliaria os discentes desde a escolha do tema até a correção da versão final do TCC. Atividade que desenvolve por seis meses e cobra em média mil reais.

Contudo, alunos encaminharam recebidos feitos por Janaína no qual descreve que a coach  cobrou mil reais pela elaboração de um TCC e as correções. No documento aparece o nome de Anna Flavia Mendes da Silva, que defendeu o trabalho A IMPORTÂNCIA DO BOM CLIMA ORGANIZACIONAL NA GESTAO DE PESSOAS no curso de administração.

O nome de Angelica do Espirito Santo, que defendeu o trabalho AS CONTRIBUIÇÕES QUE A GESTÃO DE PESSOAS PODE PROPORCIONAR PARA DESENVOLVER A RESILIÊNCIA DAS PESSOAS NAS ORGANIZAÇÕES também para o curso de administração.

E de Gabriela Cristina do Couto que defendeu o trabalho de conclusão de curso: A RELEVÂNCIA DOS EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL EM ELEVADAS ALTURAS NA CONSTRUÇÃO CIVIL, no curso de engenharia civil da Unic.

Em resposta a denúncia, a Unic afirmou que está verificando cada um dos casos mencionados para a tomada de medidas cabíveis. Também enfatizaram que repudiam veementemente qualquer comercialização de trabalhos de conclusão praticada por terceiros e ressalta que a docente em questão nunca fez parte do seu quadro de colaboradores.

Denúncia na UFMT

Porém, Janaína não prestaria serviço apenas para os estudantes da Unic, mas também de outras instituições, como a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

Documento apresentado ao site mostra que a coach entregou recebido pela elaboração de um TCC e as correções para Waldirene Dias pelo trabalho: POLÍTICA DE SAÚDE MENTAL E O ATENDIMENTO DO SERVIÇO SOCIAL NO HUJM.

Contudo, em resposta, a UFMT afirmou que a aluna mencionada colou grau defendendo o trabalho intitulado “Serviço Social e Saúde Mental - notas a partir da experiência de estágio no HUJM”.

Também ressaltou que a má conduta científica deve ser denunciada formalmente via Sistema Eletrônico de Informações (SEI) ou diretamente na Ouvidoria, e será regida pelas orientações estabelecidas na resolução 64/2016, do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) da Universidade Federal de Mato Grosso(UFMT), disponível no site da universidade.

Em síntese, explicou que o procedimento, após o recebimento da denúncia, é sua apuração a partir de documentos e alegações dos envolvidos que resultará em uma avaliação preliminar. Sendo que, cabe à Faculdade ou Instituto onde aconteceram os fatos a aplicação da punição que, em seu grau máximo, é a perda do diploma de graduação.

Confira nota da Unic

A Unic – Unidade Beira Rio – (MT) repudia veementemente qualquer comercialização de trabalhos de conclusão de curso praticada por terceiros e ressalta que a docente em questão nunca fez parte do seu quadro de colaboradores. Nesse momento, a instituição está averiguando cada um dos casos mencionados para a tomada de medidas cabíveis. A Unic reforça o compromisso ético de seus docentes com um ensino de qualidade.

PageFlips: UNIC 2

 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(3) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Anderson - 19-02-2020 09:42:29

Única novidade aí é o aluno divulgar isso a um jornalista

Responder

4
0


Rita - 19-02-2020 02:45:48

Um lugar onde se paga até para respirar, não me estranha, essa faculdadezinha caça-níqueis!

Responder

10
1


Macri - 19-02-2020 02:44:32

É crime e é grave. Parabéns pela reportagem, com certeza isso vai virar inquérito policial

Responder

7
0


3 comentários

coluna popular
Sargento Vidal irá assumir o cargo
Medida foi tomada devido à pandemia
Idosos estão lotando unidades
Benefício inconstitucional
Entrevistado de quarta

Últimas Notícias
01.04.2020 - 15:32
01.04.2020 - 14:30
01.04.2020 - 13:59
01.04.2020 - 13:55
01.04.2020 - 13:28


Carlos Fávaro (PSD)

Coronel Rúbia (Patriota)

Elizeu Nascimento (DC)

Gisela Simona (Pros)

José Medeiros (Podemos)

Júlio Campos (DEM)

Nilson Leitão (PSDB)

Otaviano Piveta (PDT)

Procurador Mauro (PSOL)

Reinaldo Morais (PSC)

Valdir Barranco (PT)

(Nenhum deles)

Feliciano Azuaga



Informe Publicitário