Secretário justifica que sacos impermeáveis serão usados para óbitos suspeitos de Covid | MUVUCA POPULAR

Quinta-feira, 06 de Agosto de 2020

POLÍTICA Segunda-feira, 25 de Maio de 2020, 13h:26 | - A | + A




10,9 mil sacos

Secretário justifica que sacos impermeáveis serão usados para óbitos suspeitos de Covid

MT adquiriu 10,9 mil sacos impermeáveis


redacaomuvuca@gmail.com

corona.jpg

 

Mato Grosso adquiriu 10,9 mil sacos impermeáveis que serão utilizado em óbitos de paciente com Covid-19 e também nos suspeitos. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), o material adquirido será utilizado em 13 hospitais do estado. 

As unidades hospitalares que receberão esses equipamentos são dos municípios de Água Boa, Barra do Bugres, Peixoto de Azevedo, Cuiabá, Colíder, Cáceres, Alta Floresta, Sorriso, Várzea Grande, Rondonópolis e Sinop.

Estudos comprovam que mesmo após a morte, os corpos de pacientes com covid-19, ainda conseguem transmitir a doença para quem faz o manuseio sem proteção.

Mato Grosso adquiriu cinco tamanhos diferentes de saco plásticos tanto para crianças quanto para adultos estilo P, M, G e GG. 

De acordo com o secretário da SES Gilberto, Figueiredo, a recomendação faz parte da Anvisa e Ministério da Saúde.

"A partir das decisões tomadas pelo Ministério da Saúde, na localidade que ocorreu, esse corpo será colocado em um saco impermeável até a hora do sepultamento. Não apenas para pacientes da Covid-19, mas sim de vários casos. Fizemos isso para cumprir um protocolo e os sacos serão colocados à disposição dos 13 hospitais regionais e na central de Serviço de Verificação de Óbito", disse o secretário. 

Ainda segundo Gilberto, esses sacos impermeáveis são considerados EPIs, pois protegem quem realiza o manuseio do corpo e impedem que peguem o vírus. 

A mesma medida será adotada com pessoas que faleceram fora de unidades hospitalares. Conforme explicação de Gilberto Figueiredo, nesses casos os corpos serão encaminhados ao Serviço de Verificação de Óbitos, onde serão realizadas investigações para se definir a causa da morte e, só então, serão encaminhados às funerárias.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(3) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Zeca - 25-05-2020 17:32:24

Robozada DESESPERADA!!! A REJEIÇÃO JÁ ESTA EM TORNO DE 70% !!!

Responder

0
0


Carlos Nunes - 25-05-2020 14:13:06

Ih! Isso já foi denunciado pela Imprensa...em alguns Estados, como São Paulo, quando morre uma pessoa que teve problemas no pulmão, não tão fazendo autópsia, necrópsia, etc. Ensacolam e colocam no freezer. Tudo com medo de ser coronavírus. Aí, tão enterrando em valas comuns. Não era coronavírus coisa alguma, mas na dúvida, e no medo, ficam longe...despacham o defunto logo. Roberto Cabrini, numa reportagem do SBT, mostrou várias pessoas sendo enterradas em vala comum, lá em São Paulo, e a família desesperada assistindo e gritando> ELE NÃO MORREU DE CORONAVÍRUS! Mas tio Dória já colocou na estatística de mortos pelo coronavírus. E futuramente nem tem possibilidade de examinar o cadáver mais, pois tá tudo na vala comum...ensacolado. Que triste fim pro povo brasileiro...vai acabar MASCARADO, ENSACOLADO, E NA VALA COMUM. Como o Protocolo de Tratamento do coronavírus tá furado...não é o correto, pois já tem cura pro coronavírus se tomar os remédios certos, na hora certa...Antes disso, o povo será ENTUBADO, COLOCADO NUM RESPIRADOR, JOGADO NUMA UTI...pra pagar todos os pecados...essa a via sacra. Quando alguém chega nesse estágio, é porque o Covid-19 já tomou conta, microcoágulos apareceram no pulmão, e pode haver até uma trombose pulmonar. Protocolo errado deixou chegar nesse estágio.

Responder

1
0


olavo - 25-05-2020 13:40:55

É brincadeira!!! né, tão querendo aterrorizar o povo!!! um absurdo!!! para gente, até onde vai essa babaquice? cade a vacina? uma pergunta a secretaria de saúde de MT tá usando o protocolo do Ministério da Saúde do uso da hidroxicloroquina no atendimento no SUS??? ou só a rede privada pode usar e salvar vidas? e os moleques que vierem aqui com bla bla bla de que não tem estudo cientificou, são uns nutelas!!! geração mimimi, nunca usou mertiolate em ferias, e tomou xarope de garrafada!!!

Responder

1
0


3 comentários

coluna popular
Internado em SP
Liderança no Xingu
Tudo online
Tensão entre novatos e “velha guarda”
"Injustiça"

Últimas Notícias
06.08.2020 - 21:15
06.08.2020 - 19:50
06.08.2020 - 19:00
06.08.2020 - 18:10
06.08.2020 - 17:22




Informe Publicitário