Sem vacina para professores, Sintep avalia greve geral em Mato Grosso | MUVUCA POPULAR

Sábado, 19 de Junho de 2021

POLÍTICA Segunda-feira, 17 de Maio de 2021, 09h:32 | - A | + A




Aulas na pandemia

Sem vacina para professores, Sintep avalia greve geral em Mato Grosso

Greve pode garantir a vida dos trabalhadores, afirma Sindicato


redacaomuvuca@gmail.com

 

O Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT) está convocando em todo o Estado uma Assembleia Geral, que irá ocorrer de forma virtual na próxima sexta-feira (21), para deliberar sobre uma greve geral, caso o governo suspenda os trabalhos remotos e retome as atividades nas unidade escolares antes da vacinação de todos os profissionais. 

O presidente do Sintep, Valdeir Pereira, disse que a greve pode ser o instrumento usado para garantir a vida dos trabalhadores até a vacinação. "Na educação pública a greve será um instrumento para assegurar a vida dos trabalhadores, a vida vem em primeiro lugar. Interesses economicistas não podem vir primeiro”, declarou Valdeir em entrevista exclusiva ao Muvuca Popular.

O sindicato tem recebido denúncias de que as escolas não possuem estrutura para higienização, com falta inclusive de sabonetes nos banheiros e demais materiais de higiene. Os trabalhadores citaram ainda que os profissionais em atividade nas unidades não receberam sequer os equipamentos de proteção individual, testagem, ou protocolo sanitário para quando o servidor é diagnosticado com Covid-19.

"A Assembleia Geral votará os encaminhamentos que terá como pauta a defesa pela vida e a necessidade urgente do governo assegurar aos estudantes equipamentos e conectividade para participarem das aulas remotas".

Valdir também criticou a aprovação do projeto de lei na Assembleia Legislativa de Mato Grosso que inclui da Educação como atividade essencial do Estado. A medida aprovada pelos deputados, com forte pressão do setor privado, parte de movimento de pais e prefeitos, para o Sintep coloca em risco a vida de mais de 120 mil profissionais de toda a Educação Básica e Ensino Superior, público e privado, além de quase 1 milhão de estudantes e os respectivos familiares.

“As pessoas ignoram que a pandemia e o trabalho remoto são muito mais sacrificantes para o professor, que trabalha sem jornada, utilizando equipamentos particulares e com a casa invadida pela escola. É deles a maior expectativa para a volta às aulas presenciais, desde que tenham segurança”, finalizou. 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(5) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Mariazinha - 18-05-2021 10:32:01

Cachaça 51 - 55% x Miliciano genocida 32% !!! De acordo com a psicologia social , existem treis passos para a aceitação do fato consumado 1- a negação 2- reflexão 3 - aceitação do fato consumado !!! Alexandre você está no caminho . No 1°PASSO!!!

Responder

0
0


alexandre - 18-05-2021 08:16:13

Quantas vacinas o cachaça 51 conseguiu ? quantas vacinas o governadores conseguiram ?

Responder

0
1


Maque - 18-05-2021 00:04:03

Detran funcionando? Sabem por quê? É uma máquina de fazer dinheiro fácil. Além disso, o serviço que vendem é uma burocracia cara, em locais onde podem ser atendidas menos pessoas. Diferente de professores, que precisam de contato direto com os alunos, em salas cheias, em escolas com banheiros precários e insuficientes. Escolas onde muitas vezes falta água para lavar as mãos, para limpeza. Praticamente todos os dias há notícia de professores doentes ou morrendo em decorrência da Covid-19. Falta sensibilidade e sensatez; sobra teimosia e ranço.

Responder

0
1


Bolão - 17-05-2021 18:54:59

Infelizmente esse é o caminho, enquanto existe um governo genocida que não está preocupado com a saúde e a vida dos cidadãos brasileiros o que deve ser feito é um enfrentamento coletivo! O certo seria toda a população paralisar o Brasil e ir para a rua exigir o Impeachment do Bolsonaro e cobrar a vacinação de todo o povo brasileiro! Fora Mauro Mendes! Fora Bolsonaro! Fora Genocidas negacionistas da Ciência!

Responder

4
1


alexandre - 17-05-2021 09:44:55

vão fazer greve, pra pegar o aumento de 6%...tem que vacinar o Detran que está trabalhando....

Responder

2
6


5 comentários

coluna popular
Luto
Vice-governador lembrou de parceria com Blairo
Acusado de calúnia e difamação
Meta é ser governadora
Disputou o Senado em 2018

Últimas Notícias
19.06.2021 - 16:21
19.06.2021 - 12:31
19.06.2021 - 12:06
19.06.2021 - 08:43
19.06.2021 - 08:11




Informe Publicitário