UFMT realiza seminário voltado para mulheres indígenas | MUVUCA POPULAR

Segunda-feira, 30 de Março de 2020

POLÍTICA Domingo, 26 de Janeiro de 2020, 18h:53 | - A | + A




“Lutas , Protagonismo e Autonomia”

UFMT realiza seminário voltado para mulheres indígenas

Evento ocorrerá entre os dias 3 e 4 de fevereiro


redacaomuvuca@gmail.com

0BEA102F-79C6-46B2-922B-56149BB0D441.jpeg

Foto: Divulgação

A Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), será sede de um seminário voltado para mulheres indígenas entre os dias 3 e 4 de fevereiro. Denominado de, “Mulheres Indígenas: lutas, protagonismo e autonomia”, o evento deve contar com representantes de diversas etnias mato-grossenses.

“O evento é um espaço para compartilhamento de reflexões das mulheres indígenas e dos desafios enfrentados por elas, além de abrir para reflexões sobre a atuação indigenista junto às mesmas”, escreveu a organização.

Além disso, não será necessário realizar inscrição para participar do evento, pois o seminário será aberto ao público e elas serão realizadas no decorrer das palestras, com direito a certificado.

O encontro será no Instituto Nacional de Pesquisas do Pantanal (INPP), na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

Confira a programação completa:

3 de fevereiro, segunda feira (14-17h):

Roda de conversa com Julieta Paredes sobre feminismo comunitário e outros temas.

3 de fevereiro, segunda feira (19h)
Conferência de Abertura

- Telma Taurepang (União das Mulheres Indígenas da Amazônia Brasileira - Umiab)
- Eloênia Boe Bororo (Organização das Mulheres Indígenas de Mato Grosso - Takiná)
- Célia Xacriabá (Articulação dos Povos Indígenas do Brasil - APIB)
Coordenação: Lola Campos Rebollar (OPAN)

4 de fevereiro, terça feira (9-12h)
Mesa 1 - Mulheres indígenas e questões de gênero

- Julieta Paredes (Mujeres Creando Comunidad: feminismo descolonial e comunitário de Abya Yala na Bolívia)
- Linda Terena (professora indígena e doutora em antropologia)
- Kaiulu Yawalapiti Kamaiurá (Associação Yamurikumã das Mulheres Xinguanas)

Coordenação: Naine Terena de Jesus (professora indígena, doutora em comunicação)

4 de fevereiro, terça feira (14-17h)
Mesa 2 - Como as instituições indigenistas trabalham a questão de gênero?

- Nurit Bensusan (especialista em biodiversidade no Programa Política e Direito
Socioambiental do Instituto Socioambiental - ISA)
- Angela Sacchi (pós doutora em antropologia)
- Catiuscia Souza (mestre em sociologia política, indigenista na OPAN)
Coordenação: Tipuici Manoki (professora indígena e graduada em ciências sociais)

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
ALMT contra coronavírus
Adiamento é prematuro
Órgão quer suspender reabertura do comércio
Empresários pedem o fim da medida de isolamento
Medida Provisória

Últimas Notícias
30.03.2020 - 12:15
30.03.2020 - 11:13
30.03.2020 - 11:09
30.03.2020 - 10:38
30.03.2020 - 10:28


Carlos Fávaro (PSD)

Coronel Rúbia (Patriota)

Elizeu Nascimento (DC)

Gisela Simona (Pros)

José Medeiros (Podemos)

Júlio Campos (DEM)

Nilson Leitão (PSDB)

Otaviano Piveta (PDT)

Procurador Mauro (PSOL)

Reinaldo Morais (PSC)

Valdir Barranco (PT)

(Nenhum deles)

Feliciano Azuaga



Informe Publicitário