Vereador acusado de atentado contra prefeito é preso com armas | MUVUCA POPULAR

Terça-feira, 20 de Agosto de 2019

POLÍTICA Quinta-feira, 16 de Maio de 2019, 15h:21 | - A | + A




Tiro e Confusão

Vereador acusado de atentado contra prefeito é preso com armas

Jovelino Ferreira de Souza foi detido portando duas espingardas


redacaomuvucapopular@gmail.com

 

O vereador de Lambari D’Oeste, Jovelino Ferreira de Souza (PSD), foi preso em sua casa nesta quinta-feira (16), em posse de duas espingardas, sendo uma de calibre 22 e outra de calibre 28, além de munições. A Polícia Civil foi acionada para apurar a denúncia de disparos efetuados no domingo (12), na porta da casa do prefeito da cidade, Edvaldo Alves dos Santos (PSB). 

O suposto tiroteio aconteceu por volta da meia noite, pouco tempo depois do prefeito e a esposa chegarem em casa de uma festa. O tiro arma calibre 12 quebrou a porta de vidro da entrada da residência.

Outras três pessoas, além do vereador, também foram presas por posse e porte irregular de arma de fogo. Todos os presos são suspeitos de envolvimento no crime.

De acordo com o delegado Miguel Macário Lopes, o intuito da operação é apreender a arma que foi utilizada no disparo na porta da residência do gestor do município.
As armas de fogo apreendidas serão encaminhadas para à perícia, para serem averiguadas.

Ademais, o delegado informou que o disparo tem motivação política, porém, nenhum dos detidos confessou a participação no crime. 

As prisões foram efetuadas em conjunto por policiais militares da Força-Tática, Polícia Militar Ambiental, e policiais da Gerência de Operações Especiais (GOE), da Diretoria de Atividades Especiais, de Cuiabá.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Dario - 17-05-2019 08:09:18

No cadeião vira Jovelina

Responder

0
0


1 comentários

coluna popular
Enxotado da política e fugido de MT por dívidas
Ex-governador pode perder direito de dirigir
“O crime dela é ser Lulista”
Servidores reclamam do abuso de poder
Porém, a família ainda não é favorável

Últimas Notícias
20.08.2019 - 11:32
20.08.2019 - 11:18
20.08.2019 - 11:04
20.08.2019 - 10:59
20.08.2019 - 10:47




Informe Publicitário